13:18BETO E A EMPADA DE FRUET

Rogério Distéfano

Correção de prova

Haverá revisão coletiva, tipo rodízio de churrascaria, da Carta aos Brasileiros, que Dilma vai lançar durante o julgamento do impeachment. Só nas questões gramaticais, a única que importa a esta altura dos desacontecimentos.

Sogras & problemas

Michel Temer levará a sogra exibida à abertura da Olimpíada. Seguro morreu mais velho que Temer: a sogra de Bernie Ecclestone ficou 38 dias nas mãos de sequestradores paulistas, que exigiram 100 milhões de euros para libertá-la. O resgate da sogra de Temer custaria, por baixo, a renúncia da vice-presidência.

Por quê?

Lula se diz cansado das denúncias contra ele. Nós também. Só discordamos de Lula num ponto: por que tantas denúncias contra ele? Não há inimigo nem adversário com tanta criatividade para inventar tantas denúncias todos os dias.

Estratégia

O Brasil venceu o Japão em jogo amistoso antes da Olimpíada. Com Neymar, Gabriel Jesus e Gabigol deu de 2×0. Jogou mal? Não, estratégia. Se vencesse por 14×0 como iria justificar um 7×0 da Alemanha?

Joga pra frente

Michel Temer resolve sua vida neste agosto, quando será decidido o impeachment de Dilma, ali pelo dia 29. Devia esticar até o 7 de setembro. Agosto tem sido péssimo na História do Brasil.

Tava demorando

O prefeito Eduardo Paes, do Rio, diz que os problemas da Vila Olímpica foram causados por um argentino, Mário Cilenti, depois resolvidos por um brasileiro, Rodrigo Tostes. Agora deu para entender. Sempre tem a Argentina atrasando o Brasil.

A empada de Fruet

Fernanda Richa, primeira dama/secretária de Estado, informa à coluna social da Gazeta do Povo que votará em Rafael Greca para prefeito. Com essa declaração de apoio, Rafael está desde já eleito pelas leitoras da coluna social. Dona Fernanda também informa que não sabe em quem o marido irá votar.

Mau sinal para Rafael, péssimo para o casal Richa. Indício de que Beto cisca no alto do muro; tucano, olha para os lados sem voar, fraqueza nas asas. Na intimidade da urna, Beto ainda digita Maria Vitória, filha de sua vice. E Requião Filho no segundo turno. Na empada de Gustavo Fruet, nem azeitona com caroço.

Nisso do voto do marido, dona Fernanda dá força aos “maus amados da Boca Maldita”. Dissesse que o voto é secreto, e como no casamento um segredo para quatro paredes. Sincera e franca, Dona Fernanda insinua que ela e Beto não tratam de política em casa. Isso não é coisa de marido presente e fiel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>