7:44A dívida de Dagoberto

Mario Celso Petraglia vai gostar dessa. No ano em que saiu do Atlético Paranaense, em 2007, o meia Dagoberto, hoje no Vitória, pendurou uma conta numa empresa que fabrica moveis, a H.R., e até hoje não pagou. O dono tentou de tudo para receber – e nada. A conta, na época, foi de R$ 8,8 mil. Se perguntarem ao empresário o que ele acha do caráter do boleiro, o que ele diz reforça o que Petraglia afirmava na época da briga com o jogador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>