10:01Um e outro

A eleição para prefeito de Curitiba ressuscitou politicamente Rafael Greca e, de quebra, tirou o governador Beto Richa do pântano em que se meteu no ano passado. Isso sem contar que existe a possibilidade de um se juntar ao outro, provando que em política até boiada voa.

4 ideias sobre “Um e outro

  1. leandro

    Politica é a arte de criar fatos novos e esquecer os passados. Vejam só; Esta união remonta a um passado de 1994, quando Greca foi na porta da Assembleia bradar contra a polícia e contra aqueles que impediam a entrada do professores no recinto. Lembram?
    Agora qual será a postura de Greca se houver esta aliança? Greca defenderia com “unhas e dentes” o governo se aliado for do episódio de 29 de abril de 2015 na frente da mesma Assembleia Legislativa, com a mesma categoria, os professores?
    Desde 94 já se vão duas décadas e muitos que hoje provavelmente votarão pela 2ª vez nem sabem o que ocorreu no passado, então a memória esquecida ou daqueles que sequer haviam nascido precisa ser refrescada e a história contada de maneira que saibam bem o que aconteceu , quem participou, como, porque e quem fez o quê.

  2. Zé Povinho

    Mas porquê o ex-prefeito faria tal aliança, ganharia o quê com isto? Este palerma do prefeito já está derrotado, ao ex-prefeito só falta não dar com a língua nos dentes que volta a ocupar o trono da prefeitura. A vitória do ex-prefeito de mãos dadas com o Banana é vitória para o Banana.

  3. leandro

    Tem razão, obrigado pela correção. Isto mostra que a data marcou como um evento lamentável contra os professores e que como a história se repete aconteceu novamente no 29 de abril, só que nessa o Graca nem estava aí para “bradar” em favor dos professores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>