18:45PECAR É HUMANO, PERDOAR É POLÍTICA

DILMAPILOTA

Ó Dilma amada, idolatrada, salve! salve! 

O silêncio dos não inocentes

É de deixar surdo o silêncio do PT sobre os terroristas (sic) islâmicos que iriam cometer atentados na Olimpíada. Um palavrinha de apoio é o mínimo que se espera do partido que concedeu asilo a Cesare Battisti, que matou duas pessoas a sangue frio na Itália democrática.

Abraço de afogado

Lula será cabo eleitoral de Fernando Haddad na campanha de reeleição para prefeito de São Paulo. Haddad está lá em baixo nas pesquisas e pode perder para Marta Suplicy. Lula seguirá em caravana pelos bairros. Sem Paulo Maluf, com quem se abraçou na primeira eleição.

Não enxergam o próprio rabo

Deputados federais dos EUA assinam manifesto em favor de Dilma. Devemos exigir que os nossos retruquem contra Donald Trump. Na sede do planeta dos macacos, os americanos não enxergam o próprio rabo. Democracia por democracia, a deles não está lá essa maravilha.

Meu destino é pecar

O filho do deputado Waldyr Maranhão, atual presidente da câmara federal, tinha um cargo no tribunal de contas do Maranhão e vivia em São Paulo. Se o pai não assumisse a presidência da câmara ninguém descobriria a malandragem.

Nesta semana o filho pródigo foi demitido e terá que devolver perto de R$ 600 mil em salários. Será em 24 prestações. Sem punição para ele nem para o conselheiro que o nomeou e nunca controlou sua frequência ao trabalho.

Imoral e obsceno. Mas considerando as circunstâncias podia ser pior. Caso igual ao de Ezequias Moreira e sua sogra fantasma, do Paraná. Lá no Maranhão como cá no Paraná pune-se o pecado e premia-se o pecador.

Golpe imperialista

A rede MacDonald’s tirou o BigMac do cardápio na Venezuela. Agora o paraíso bolivariano desaba de vez. Fica muito longe para os venezuelanos cruzarem as fronteiras da Colômbia e do Brasil à procura do sanduichão.

ROGÉRIO DISTÉFANO

Uma ideia sobre “PECAR É HUMANO, PERDOAR É POLÍTICA

  1. Zé Povinho

    Ká ká ká lá como cá, os deputados norte americanos são iguaizinhos aos nossos, adoram falar besteiras, iguaizinhos aos nossos. Depois reclamam do presidento, pelo menos este não é trampa e nem hilário, pelo menos até o momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>