8:59O espancador

Aquela história da autofagia cabe como uma luva no deputado federal que tomou espaço na chamada mídia nacional depois que Alvaro Dias resolveu sair do ninho e para ser verde na vida. A verdade é que não se sabe porque ainda não fizeram uma análise de como Rubens Bueno (PPS) saiu do ostracismo para ser protagonista dos recentes episódios em Brasília. Ele estava apagado, depois de tentativas frustradas de ser prefeito de Curitiba, até que no começo de julho de 2010 acertou um muquete na fachada de Roberto Requião em Campo Mourão. Renasceu politicamente e ganhou um espaço de líder que talvez não imaginasse conseguir. Em conversa com o signatário concordou, tempos atrás, e com sorriso revelador, que deveria dar um presente ao atual senador pelo bem lhe fez ao apanhar. Hoje, na bancada paranaense do Congresso, Bueno continua espancando – mas de outra forma. Isso é política!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>