8:09Emergência!

Nicolás Maduro, aquele, presidente da Venezuela, decretou “estado de emergência econômica” por dois meses. Em chavêz isso que dizer que estão dispensadas as licitações para compras de bens e insumos no estrangeiro, assim como transferir “recursos extraordinários” para órgãos públicos dos setores de saúde, educação, alimentação e habitação, ou seja, pode-se confiscar bens de empresas e cidadãos.A inflação naquele país é de 200%. Falta muito para a daqui chegar lá, mas como o governo de Dilma Rousseff reza na mesma missa do bolivariano e o Brasil está virado pelo avesso…

Uma ideia sobre “Emergência!

  1. John Doe

    Mas até concordo com este ditadorzinho, o país dele depende só do petróleo, e os preços do mesmo estão quase de graça, aí o cara não podeira tomar outra atitude. Difícil mesmo é ele encontrar o que tirar das empresas e das pessoas , estas já estão de tanga há muito tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *