16:46A coisa ficou mais feia!

Do enviado especial

Aparecido Regini, ex-presidente do clube Maringá (Sociedade Esportiva Alvorada Club) e ex- vereador do PP, não aguentou as pressões e demitiu o sobrinho Paulo Regini da gerência do time da primeira divisão do campeonato paranaense. Ele é o dono da conta bancária que recebeu o depósito em cheque de R$ 100 mil reais do Coritiba Foot Ball Clube após assinar o apoio à chapa do coxa-branca Ricardo Gomyde. O escândalo ainda rende uma sindicância no Conselho Deliberativo do Coritiba e uma denúncia no Conselho Fiscal da Federação Paranaense de Futebol. O Vasco também mandou emissários a Curitiba pegar cópias dos documentos oficiais e das denúncias, pois trabalha com o imediato rebaixamento do clube por gestão temerária no STJD da CBF, sobrando uma vaga para ele se safar da segunda divisão em 2016. Relembre o caso - http://migre.me/scSx4

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>