14:49O PT e os direitos do cidadão

por Dirceu Pio

 Se você já pegou remédio “gratuito” nalguma farmácia popular; se já comprou uma casa financiada pelo governo ou por qualquer uma de suas instituições; se já pegou algum crédito consignado ou se aproveitou de algum outro benefício do gênero, precisa saber que, para os militantes do PT, você perdeu grande parte de seus direitos de cidadão, não pode nunca mais reivindicar, criticar o Partido ou seu governo. Se o fizer jogarão na sua cara a pecha de “filho ingrato”, “hipócrita”, “cretino” e tudo mais.

Tem de morrer dentro do espírito de gratidão eterna, incondicional; o militante do PT que se preze é capaz de tudo para desqualificar seus críticos, especialmente quando fica sem nenhum argumento para defender as atrocidades do governo ou do Partido. Gostam de dizer: “Vai ver ele tem crédito consignado, pega remédio nas farmácias populares…” É o jeito PT de ser, imutável, perpétuo.

O que os petistas fanáticos aprovam e aplaudem é o comportamento “sórdido” de “líderes” à La José Dirceu, venerado e aplaudido nas reuniões do Partido, mesmo atolado em denúncias de toda espécie e gravidade por envolvimento no Mensalão; e que ninguém se iluda em achar que agora, com a prisão do “líder” por envolvimento na Lava Jato, a admiração por ele tenha chegado ao fim. Seria capaz de apostar que um dia ainda vai deixar as masmorras de Curitiba ovacionado.

4 ideias sobre “O PT e os direitos do cidadão

  1. Sergio Silvestre

    “o homem nasce esquerdista a medida que passa os anos vai para o centro e quando chega ao fim da vida vaga pelos corredores em sua cadeira de rodas ornadas com caveiras e rangendo a dentadura,fica só na espreita se vem algum comunista para tomar seu assombrado solar”
    Pio ,acho que precisamos pedir para vocês opositores consultoria,aliás seus amigos deputados do PSDB ofereceram isso para o CÚnha em troca do IMPEACHMENT.
    Botaram o CÚnha na parede,da a nós a cabeça da Dilma e nós lhe ensinamos como se rouba sem deixar rastros.Como é isso?Fácil é só filiar parte dos delegados da policia federal e botar um carimbo tucano em algum juiz.

  2. TOLEDO

    Nossas Diferenças
    Caro Pio, gosto de participar do Blog do ZB, me divirto com as opiniões diferentes e com elas aprendo e faço minhas reflexões.
    Tenho muito respeito pela história de vida do Zé Beto, claro não concordo com as preferencias futebolísticas curitibocas dele.
    Confesso que acho os seus textos raivosos que procuram desqualificar os menos favorecidos e quem é Ptista. Eu votei no FHC, que você tem como herói, que se dizia socialista, porque achei que ele tinha os predicados intelectuais para fazer um bom governo. Votei só uma vez porque foi o suficiente para conhece-lo. Conheço a história do Lula, acompanhei e trajetória dele, desde o início no Sindicato em São Bernardo, não acho ele uma Santidade. Votei nele duas vezes, porque acredito na proposta dos governos trabalhistas. Não me arrependo e tenho certeza que a inclusão social que os governos do PT proporcionaram , foram fundamentais para chegarmos até os dias de hoje. O que é bom ,hoje, é que a Internet democratizou a informação e permitiu que a população tivesse voz. A nossa geração, a sua muito mais, sempre assumiu um tom professoral e soberbo ao expressar os pontos de vista. Não dá mais Sr. Pio, a verdade e a informação não tem mais dono. Gostaria muito de discutir com você, mas em outro nível, de igual para igual, porque apenas pensamos diferente, mas vamos todos para o Pó, já contratei a minha cremação e já paguei, já fiz consignado e retiro na Farmacia Popular, remédios para minha Diabetes. Não me sinto devedor do Lula ou Dilma, apenas usufruo das politicas publicas do Governo.Alguem da sua familia faz como eu. Trabalho a 45 anos, inclusive estive em duas multinacionais ( menos 2 que o José, aquele galã ). Então minha proposta, é vamos colocar a bola no chão e só pensar diferente. Em 2018 voto no Lula, mas acho que o Flavio Dino seria um bom candidato. Mas Serra, Aecio Neves, não dá, né.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>