7:49Garrincha no divã

O Coritiba trocou de psicólogo para ver se começa a jogar bola. Isso faz lembrar históiras do gênio Mané Garrincha. Ao explicar o raríssimo gol que fez  de perna esquerda que fez contra o Chile na Copa do Mundo de 62, que ele ganhou para o Brasil, mandou: “A bola veio para a esquerda e eu não chuto bem de esquerda, mas não dava pra trocar de pé. Então chutei de esquerda fazendo de conta que era de direita”. Em outra ocasião, as ser submetido a um teste psicotécnico, pediram para ele desenhar a figura de uma pessoa. Ele fez apenas um círculo grande e, diante da incredulidade do terapeuta, explicou que era o Quarentinha, seu companheiro de ataque no Botafogo que tinha uma cabeça enorme. Se fizesse isso nos dias de hoje, seria imediatamente barrado. 

Uma ideia sobre “Garrincha no divã

  1. Professor Xavier

    Apesar de todo rigor e técnicas apuradas usadas pelos psicólogos do do nosso Detran, vemos pessoas tomando atitudes no comando dos seus possantes, que seriam mais próprias de um demente. Então riscar um círculo e dizer que é o Quarentinha talvez seja mais lógico, do que habilitar assassinos conferindo-lhes CNHs, verdadeiras licenças para matar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>