6:48O mesmo defensor

Pode ser tudo, pode ser nada, mas Eduardo Duarte Ferreira, o advogado do auditor fiscal Miguel Arcanjo Dias, que está foragido há mais de um mês, e alega que ele não pode ser exonerado pela Receita Estadual por abandono de emprego porque há jurisprudência no STJ considerando que fuga em caso de prisão preventiva não é abandono de emprego, também foi o defensor de deputados estaduais do Paraná no caso dos “gafanhotos”,  descobertos em operação da Polícia Federal que implodiu um esquema no qual os vencimentos de vários funcionários fantasmas e comissionados eram depositados em uma única conta.

Uma ideia sobre “O mesmo defensor

  1. Professor Xavier

    Vou com o cara, ele já defendeu vagabundos da espécie do seu cliente de hoje. Se chamo o fujão de vagabundo é porque ele assim parece, quem não deve não teme, se fugiu é porque tem algo a esconder. E se continua fugido é porque não quer ir para o lugar que lhe cabe, a cadeia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>