19:25Para Silvio Lohmann

A mãe disse que ele sempre foi anjo. Concordo e acrescento que até duas semanas atrás era também menino a caminhar sereno e tranquilo na estrada. Até o dia que disse com voz contida que o pai estava no hospital. Como um caminhoneiro que passou a vida cruzando este país maluco pode ficar doente? No leito do hospital o senhor de barba por fazer, magro, com sonda, também era meu pai de alguns anos atrás. Depois disso houve um intervalo em que um pedaço da natureza paradisíaca deste país lindo e absurdo permitiu o isolamento no oceano. No retorno, de novo a voz contida ao telefone. Saiu e voltou do hospital. Ontem à noite o início do descanso foi interrompido pelo som estridente de um celular que trouxe a notícia de uma forma estranha. O menino não encontrou palavras para dizer – e saiu lá um “teve problemas”. Foi o que conseguiu dizer para informar sobre a solução definitiva da passagem para o desconhecido. E de lá até há pouco, quando meu amigo completou uma eternidade ao lado do pai vivo e corpo morto, seu rosto se transformou e não era mais de um menino, apesar de continuar sendo anjo. De repente era um homem marcado pela dor da perda, que é eterna, mas também de grande aprendizado. Ele agora era o pai, não só das duas filhas adolescentes, mas como o pai dele, de nome Arno Arlindo Lohmann, o caminhoneiro que no leito do hospital sorria ao contar que dirigiu Scania sem nariz e muitos outros gigantes das estradas. Silvio Lohmann, na verdade, sempre soube dirigir a própria vida. Desde quando o conheci como teletipista da sucursal da Editora Abril até trilhar o aprendizado de um grande jornalista. Não mudou um nada na maneira de ser. Vai continuar assim, anjo, como garante a mãe, também menino, porque é, mas agora um homem que enche de orgulho quem tem o prazer de conhecê-lo.

4 ideias sobre “Para Silvio Lohmann

  1. Silvia

    Sim, ele é um Anjo!!! E também um torrão de açúcar (parafraseando a amiga Denise). Um doce de pessoa…É assim que seus colegas da “firma” o define.

  2. Verônica Macedo

    O Silvio Lohmann é realmente uma pessoa muito especial.
    Além de excelente jornalista, é um cara do bem.
    Trabalhei com ele (era meu chefe) e nunca o vi alterado, Mesmo em situações de crise, Silvio mantinha um ar de equilíbrio e de bom humor. Comportamento raro nos dias de hoje.
    Concordo com você, Zé Beto, o Silvio é um menino, com asas.

  3. Silvio Lohmann

    Obrigado Zé, inclusive pelos exageros. A família agradece a você por toda a força neste momento de dor. Quero registrar também a nossa gratidão a todos os amigos que nos deram conforto nesta hora de tristeza. Seo Arno descansa em paz!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>