11:44Balanção

Do analista dos Planaltos

Perguntar não ofende: quanto custou a publicação do balanço da Copel no jornal Gazeta do Povo? Se a conta não estiver errada, foram 52 páginas. Todo mundo sabe que é obrigatório, mas que é absurdo, é. Deveriam mudar a lei, obrigando a publicação apenas de um aviso informando a edição do Diário Oficial em que o balanço está publicado.

9 ideias sobre “Balanção

  1. leandro

    Se o balanço da Copel tem todo esse tamanho o da Petrobrás vai ter umas 1000 edições da Gazeta do Povo de domingo, pois lá a bronca é bem grande para ajustar os pepinos. Temos que prestar atenção pois se depender de gráfica para rodar exemplares do balanço da Petrobrás é melhor não deixar o Vaccari resolver o caso…. se não…..

  2. Zangado

    De novo, as estatais canalizando dinheiro a jornais. Sem real é fundamental necessidade. Quem lê esses demonstrativos? Porque não os leriam no diário oficial ou no site da empresa ou do governo. Correta a sugestão de se publicar um resumo ou a conclusão. Depois hoje tem a internet, gente, onde são publicadas nada menos que as decisões judiciais! Aí está algo que poderia ocupar os deputados em mudar a lei que quiça exija tanta letrinha nos jornais a custo do consumidor.

  3. Professor Xavier

    Caros debatedores, a lei manda que os balanços das empresas estatais sejam publicados em jornais de grande circulação. Aí a estatal da luz não pensou muito, e nem precisava pensar, afinal quem sempre pagou as contas dela fomos nós, os seus consumidores. Se esta gazeta é pró ou contra o governo dono desta estatal, para os que a dirigem tanto faz, eles só estão cumprindo a lei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>