9:32Nada de novo

O que há no ano novo? Nada, como no verso do poeta que viu as rubras calçadas e cantou a pedra dos corsários – só que estes não vieram de fora, nasceram aqui, paridos não por macunaíma, mas pela Cramulhão da cobiça pelo poder e o ouro arrancado das entranhas pelos escravos de sempre. Jesus Cristo nasceu? Olha ele lá no presépio dos que fazem as presepadas e vão se confessar todo sábado e comungar no domingo para terem mais uma semana sem dor na consciência porque colocam um dinheirinho na sacolinha roxa que passa enquanto fazem cara de santo. Assassinos que matam por tabela ao desviar o dinheiro do hospital, do remédio, da merenda escolar. Sacripantas treinados para responder o irrespondível com a maior cara de pau, trajando o uniforme que pode ter marca italiana, mas é manchado de sangue. Achacadores que borrifam perfumes franceses e cheiram a carniça – mas mostram sorrisos de dentes implantados, brancos, porque sabem que os lixeiros da natureza, os sagrados urubus, não vão estraçalhar sua entranhas malditas, suas almas vendidas e o caráter de canalhas da pior espécie. Pragas da natureza, poderiam ser finitos se tudo isso se resumisse à própria existência. Mas, não – o DNA maldito impregna filhos, netos e, pior, os servos que os acompanham e os olham como verdadeiros escolhidos, acreditando nos discursos mentirosos em que até eles acreditam, pois vivem em mundos paralelos, cloacas longe da realidade e onde tramam acordos para perpetuação da situação. O cheiro do dinheiro é a droga. A ordem dada e cumprida pelos limpa-caspas os alimenta. Neste país, que sempre foi destrambelhado, mas que havia algo de belo, traduzido nas artes, na música, e uma expectativa de mudança, há muito tempo descemos a pirambeira desgovernada. Formam-se legiões de analfabetos funcionais, idiotas que não têm culpa disso, mas que se acostumaram a… a…. comprar o mais novo iphone para se tornar celebridade no próprio grupo, além de babar ao ver qualquer imbecil televisivo ser flagrado com a atriz, modelo e bunduda da vez. Não, não há nada de novo no ano novo, apenas a perspectiva de que a coisa vai piorar – mas como o Brasil não acaba, é isso aí mesmo.

9 ideias sobre “Nada de novo

  1. Sergio Silvestre

    Na noite de Natal estava com a parentalha toda e sempre um assunto pertinente é o PIB.Petrobras etc.
    Aparte reaça dos parentes entre uma bocada no churrasco e uns goles de “Stella Artóis”pois a Heineken tinha sido esgotada nos mercados de Londrina.
    Diziam os mais reaças e afoitos que a retração da economia ia ser de 1% e que o Brasil Precisava crescer etc,era a balela de sempre.
    Eu entrei no assunto e separei 100 garrafas de cerveja e destas tirei uma e apontei para o mais deslumbrado de todos reaças,essa vai faltar para você no ano que vem

  2. Zé Beto Autor do post

    reaça só de direita. de esquerda é democrata, inteligente e, se bobear, santo. hihihihihihihihihihihihihihihihi

  3. Toledo

    Silvestre, o Zé quer voltar para Editora Abril. Ninguem segura !!! Já imaginou ? Zé faz uma cambagem antes da virada, só para garantir;

  4. Zé Beto Autor do post

    como você fala e repete besteira, toledo! hihihihihihihihihihi
    então, para você também me responder, não para ficar empacado e respondendo como paulo maluf: os reacionários são apenas os de “direita”, como você também carimba e se coloca do outro lado? hihihihihihihihihihihihihihihi
    na “esquerda” não há reacionários? hummmmmmm… é uma constatação muito inteligente! muito inteligente! hihihihihihihihihihi

  5. Sergio Silvestre

    Falando em cambagem a Veja fez o Aécio de GENI,colocou ele onde deveria estar o pior senador .
    Agora,para ser o piór senador ele deve ter trabalhado muito.

  6. TOLEDO

    Zé, sinto saudades do Brizola. Lamento ele não ter sido eleito para a Presidencia. No governo dele, a escola ( educação) seria prioridade. Foi assim quando ele foi Governador no RS e no Rio da Janeiro com os Ciepes. Essa é a saída para o País alem de ele rever a concessão da Rede Globo. Mas estou com vontade de morar na Bolivia, o companheiro Evo acertou a mão, e o país vai que vai ou no Uruguai, lá tem leio de regulação da midia.

  7. Toledo

    Zé, eu tenho certificado de idoso, posso estacionar em vagas exclusivas e mover processos de acordo com o estatuto. Usar fralda geriátrica, cagar em pé, sofrer de hemorroida. Quer mais. Se cuida Zé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>