19:10Para alguém depois de Kruger, Zé Roberto e Leocádio

de Jorge Eduardo França Mosquera

Alex forévis

Alex arrasta a bola

E a trata como a Gaia

Companheira inseparável

Até o momento inevitável

E a dispara

Feito flecha

Rumo ao arco

Até então indevassável

O inimigo

Feito estátua de sal

Só acompanha a esfera

Solar

Na noite de luzes artificiais e brados estelares

E imóvel admira

A epifania do encontro

Na rede jaz

Feito jazz

Um solo

Um sol ardendo nos olhos

Um gigantesco grito de gol

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>