11:12Sobre o Gaeco

Da Agência Estadual de Notícias

 

Richa garante cooperação para funcionamento do Gaeco

 

O governador Beto Richa recebeu ontem (29/01) a visita do procurador-geral de Justiça do Paraná, Gilberto Giacoia, e de membros do Ministério Público para tratar da questão do Gaeco. Também participaram da reunião o chefe de gabinete Deonilson Roldo e a secretária da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Maria Tereza Uille Gomes.

O governador reafirmou o interesse em manter a cooperação com o Ministério Público em relação ao Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), conforme já havia declarado anteriormente.

Estabeleceu-se que, a partir de agora, a cessão de policiais civis e militares para o Ministério Público será regulamentada de outra maneira.

Caberá ao procurador-geral de Justiça solicitar formal e diretamente a cessão de policiais civis e militares ao Chefe do Poder Executivo, a quem compete privativamente, no uso de suas atribuições constitucionais, analisar e autorizar a cessão de policiais ao Ministério Público, bem como regulamentar os mecanismos de cessão e os prazos, atendendo aos interesses da Política de Segurança Pública do Estado.

O governador Beto Richa manteve o compromisso de garantir quantitativamente o número de policiais que compunham o Gaeco no mês de novembro, conforme já havia sido ajustado em reunião anterior com o procurador-geral de Justiça e que contou com a concordância da Secretaria de Segurança Pública.

O governador declarou que estuda, ainda, a possibilidade de ampliar a cessão de policiais. Por fim, destacou o bom desempenho que o secretário da Segurança Pública, Cid Vasques, vem apresentando, com a redução dos índices de homicídios no Estado, dentre outras atuações relevantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>