7:16Couro duro

A lambança da escala técnica da comitiva presidencial em Lisboa, antes de atravessar o Atlântico para chegar a Cuba, continua rendendo absurdos. A presidente Dilma Rousseff disse ontem que escolhe o restaurante que quiser porque paga a conta dela, assim como quem a acompanha. Hummmm. A diária de R$ 27 mil na suíte presidencial no Ritz, assim como a dos outros 44 apartamentos da comitiva, é de responsabilidade da ninguenzada. Dilma disse também que não está nem aí com as críticas porque chegou a um ponto “em que o couro ficou duro”. É possível, pois combina com a armação indestrutível do penteado e pela cara de pau.

7 ideias sobre “Couro duro

  1. adalgiso pessogna

    Na época do tucano FHC na presidência as coisas eram muito diferentes. Ele só andava de aviões de carreira, se hospedava em “hostels” e albergues da juventude e comia em restaurantes de baixo custo. Isso quando não apelava prum combo do MacDonalds. Aliás, exemplo seguido por todos os governantes tucanos. Acho que faz parte do estauto do partido. Vejam o nosso governador. Quando viaja só se hospeda em hotéis da rede “Formule 1″. Imagina se ele seria capaz de uma extravagancia, como por exemplo esticar uma viagem na Europa só para visitar a sede da Ferrari na Itália? Claro que não! Isto é coisa de caipiras petistas metidos a novos-ricos. Estes petralhas seduzidos pelas prebendas do poder! Ainda bem que existem partidos como o PSDB e o PMDB (só o do Paraná), onde os políticos sabem zelar pelo dinheiro público.

  2. gumercindo saraiva

    DEIXO DE COMENTAR.

    INFELIZMENTE O BLOG TEM CENSURA.

    ADIÓS PARANÁ !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  3. admin Autor do post

    aqui não há censura. deleta-se e fim de papo. sobre seu caso, nem isso houve, porque não há comentário anterior.

  4. Célio Heitor Guimarães

    Lembro do tempo em que, quando construía o PT, Lula vinha a Curitiba e hospedava-se no apartamento de Edésio e Zélia Passos…

  5. Lukas

    É Célio, os tempos são outros. Agora é tempo do proletário transformar em realidade o sonho de ser um bom burguês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>