7:57Richa no PMDB

O repórter Luís Fernando Wiltemburg, da Folha de Londrina, informa que o governador Beto Richa vai hoje à sede do diretório do PMDB em Curitiba para participar de um ato em comemoração aos 30 anos do comício das Direta Já em Curitiba que começa às 19h. Segundo Doático Santos, secretário-geral do PMDB da capital, o ato é suprapartidário e todos os partidos foram convidados, mas apenas PSDB, PSB, PCdoB e PSC responderam. Hummmmmm. O governador vai porque seu pai, José Richa, aceitou participou do comício em 1984. O senador Alvaro Dias (PSDB) também estará presente. Hummmmmm. Há três décadas ele era presidente do PMDB estadual. O senador Roberto Requião não deve aparecer. Segundo Luis Claudio Romanelli (PMDB), secretário do Trabalho do governo de Beto Richa, “aparentemente ele está com ciúmes”, por não ter sido idealizador do evento. Hummmmmm. A comemoração, de fato, foi feita para revelar o tamanho da força do PMDB do B, ou seja, a ala do partido que é favorável ao abraço definitivo à campanha de reeleição do governador, apesar de todos os envolvidos negarem isso. No tabuleiro da política da província, além dessa vertente, há os que defendem a candidatura própria, que seria de Requião, e até a alternativa de o partido seguir a corrente nacional que está no governo do PT e apoiar aqui a candidatura de Gleisi Hoffmann. Há claramente uma divisão que deverá ser resolvida na convenção do partido ou ainda indicar o caminho numa prévia que está sendo sugerida. A verdade é que o ato de hoje faz parte da disputa interna – e o PMDB daqui e de acolá não dá ponto sem nó: quem oferecer mais vantagem, leva o apoio. Isso é política!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>