10:12As mudanças no esporte da RPC

Do Goela de Ouro

 

A reforma no jornalismo esportivo da RPCTV já vinha sendo exigida há algum tempo pelo comando da Globo, que achava a edição local distante dos padrões que exige. Primeiro mudaram os apresentadores, mas o conteúdo continuou a desejar. Aí a poderosa ameaçou passar a gerar do Rio ou de São Paulo todo o noticiário. Os chefões da RPC tiveram de agir. Houve os afastamentos (João Carlos de Azevedo também entrou nessa, além de Gil Rocha e Paulo Rosa). Rocha ainda comentará os jogos do Estadual por algum tempo. Para a Gerência de Esportes foi escalado o Eduardo Abilhoa e o Editor-Executivo passou a ser Carlos Eduardo Guimarães. Eles terão a missão (quase impossível) de elevar a qualidade do noticiário esportivo paranaense nesse ano de Copa do Mundo.

11 ideias sobre “As mudanças no esporte da RPC

  1. Ouvinte

    Não adianta a equipe da Transamérica é a melhor – do rádio, prefiro ouvir o rádio a assistir TV!

  2. Petrukio

    O problema da qualidade do jornalismo decorre quase que exclusivamente da absoluta deficiência da qualidade dos times daqui. Deveriam se preocupar também com a torcida do interior do Paraná, noticiando muito mais sobre Flamengo, São Paulo e Corinthians, que são os times de maior torcida no estado. Talvez assim se conseguisse despertar mais atenção do público…

  3. Francisco José Z. Assis

    Carlos Eduardo Guimarães é um baita profissional. A equipe também conta com outro excelente jornalista, o Marçal Dias Jordan. Vai melhorar!

  4. zuquinha

    Reformula, muda cenário mas aí voce liga a tv e a transmissão é do Jasson Goulart com comentarios do Gil Rocha. Aí é de trincar os ovos…

  5. antonio carlos

    O jornalismo esportivo da Poderosa da província é tão ruim que até já superou em a ruindade deste nosso futebol. Eles depositaram todas as fichas no tal PFC, se perguntados juram que todo mundo é assinante da Net.

  6. Célio Heitor Guimarães

    Eduardo Abilhoa também é um grande profissional. E um grande caráter. É sobretudo disso que precisa o jornalismo desta terra. Inclusive o esportivo.

  7. sb

    Não entendo! Se problema é qualidade, por que continuam com a famigerada escolinha que de 30 bagrinhos, todo período de formação -de finalmente colocar gente nova no ar, escapa um ou dois aproveitáveis?

  8. Tiago Oliveira

    Realmente a qualidade do GE-PR eh muito inferior ao padrão GLOBO. A começar pela transmissão de um evento. O narrador é muito bom, mas no rádio. Na TV teria de ser um ao melhor estilo SPORTV. Luiz Augusto Xavier foi e sempre será excelente como locutor de rádio. Na TV, não agrada a Atleticanos, Coxa-brancas e paranistas. Uma dica e um cara bacana, q já narrou jogos pela RPC TV e é agradavél ao padrão de transmissão e atualmente é do canal SPORTV, é Linhares JR. A transmissão em si, letreiros e dinamismo que a Globo apresenta faltam tbm. O placar dos jogos é o antigo, de 2012. Não conta com o hino dos clubes na hora do gol. Pequenos detalhes. Mas pra mim faz diferença como telespectador.

  9. renato

    Por onde andam Edson Luiz Militão, Luiz Augusto Xavier e Ogamar Linhares Júnior?
    Renato Monteiro
    Curitiba – Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>