17:02A rebelião anunciada

Da rádio Bandnews:

 

Uma rebelião acontece neste momento na Penitenciária Central do Estado (PCE), onde um agente penitenciário é mantido refém. As primeiras informações dão conta de que no local há pelo menos 30 detentos. A rebelião acontece algumas horas depois do protesto dos agentes penitenciários do Paraná, que pediam por mais segurança para a categoria e mais efetivo pessoal.

3 ideias sobre “A rebelião anunciada

  1. Adilson de Alencar Borges

    Na CPAI (Colônia Penal Agro Industrial de Piraquara Paraná) no mês de 03/2013 os presos, fizeram um motim, que resultou na Rebelião do setor da ala separada (Setor de cumprimento de Sanção Disciplinar), que tinha 180 presos, para 02 Agentes de serviço, e ainda os presos feriram os Agentes penitenciários que estavam de escala, colocaram colchões velhos sobre os Agentes e tentaram atear fogo, com intuito de pegarem a chave para fuga.
    Outro dia quando os Agentes foram fazer uma abordagem de rotina, quando perceberam que um dos presos estava com celular e drogas , os presos que estavam em volta no campo, começaram a agitar e reagiram agredindo os Agentes penitenciários que tentavam efetuar o seu trabalho. Os presos não estão respeitando os Agentes penitenciários, e estão se comportando com reações adversas e agressivas.
    Nestas ocasiões não foi pedido a Policia Militar para fazer uma revista nos alojamentos e dependências da CPAI; e quando a Policia Militar veio não lhes foi permitido entrar. Porque em outros anos quando houve acontecimentos semelhantes, os outros Diretores permitiram que a PM entrasse e organizasse a situação. Diante do ocorrido, os presos estão fazendo reuniões, fazendo fichas de atualização cadastral em todos os alojamentos, e nós não temos como ficar a par do que combinam; o que sabemos é que os presos estão cada dia mais exigindo cada vez mais, e desrespeitando os Agentes de serviço. Do jeito que está, torna difícil às coisas, não está bom para trabalhar, qualquer situação em que os agentes fazem revistas de rotina, os presos se queixam ,brigam e ameaçam de morte os Agentes penitenciários.
    Sexta feira 13 de Setembro 2013, os Agentes penitenciários viram um preso suspeito correndo de imediato foi chamado reforços 10 Agentes que saíram de seus postos Segurança e inspetoria, isto feito os Agentes foram fazer uma revista no local de onde havia saído o preso correndo e localizaram drogas , quando ainda investigavam o local, foram cercados e intimidados pelos presos e questionados por eles devido à revista, e estes não se intimidaram quando o Inspetor falou que iriam chamar a PM, eles disseram:- (pode chamar, porque eles não vêm), fazendo alusões às outras vezes que já houve ocorrências e não foi chamada a policia, ou que não deixaram a policia entrar.

  2. Maria

    Culpa de tudo isso é dos direitos humanos, da mídia senacionalista e do governo!!!!Os direitos humanos porque só se preocupam em defender vagabundo, a mídia que massacra a polícia, o governo porque é corrupto e incompetente!!! Os marginais podem tudo, e isso vai piorar cada vez mais, o policial e o agente penitenciário estão a mercê desses marginais, porque se algum desses vagabundos levarem um tapa vão dizer que foram torturados e quem vai pra cadeia são os agentes públicos!!! O policial e o agente penitenciário é que paga a conta por um governo incompetente e corrupto, que não investem onde deveriam e não são punidos por isso!!! Vergonha Brasil!!!!

  3. Adilson de Alencar Borges

    Somos aqueles que zelam pelo sono e tranqüilidade dos cidadãos Brasileiros, enquanto o nosso povo trabalha ou dorme, nós estamos no labor diuturnamente com a custódia dos presos e evitando fugas; nas prisões nas penitenciárias e nos semi-abertos.
    Somos aqueles que se direcionam ao perigo, mesmo sem material de segurança individual, afim de aminiza-lo, para que a nossa gente possa ficar em paz.
    Estamos preparados psicologicamente para o perigo, e para o stress “da lida “com os presos.
    Somos aqueles que zelam pela vida de todos nas penitenciárias, desde os presos, funcionários, Diretores, Técnicos e visitas; mesmo sem ter todo o equipamento de segurança necessário (EPSI), fazemos o melhor com o que temos apenas a identificação Agente penitenciário (COLETE DE PANO ), para que todos em geral se sintam em segurança.
    Somos aqueles esquecidos nos fundões das penitenciárias, e, que só somos lembrados quando há uma rebelião e ficamos de reféns; quando assim os presos pedem mais agilidade nos processos ou pedem justiça, e outras coisas.
    Somos aqueles que são estereotipados como marginais, pôr apenas trabalharmos com os presos, dentro das unidades prisionais, quando na verdade respeitamos a todos.
    Somos aqueles que somos marginalizados pela mídia e pela sociedade. Mortos nas ruas sem chance de defesa.
    Somos aqueles que mantemos a segurança das unidades, e tentamos a ressocialização dos presos.
    Somos aqueles que somos assassinados sem chances de defesa.
    Somos aqueles que esperamos reconhecimento do governo e da sociedade.
    Muito obrigado !!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>