15:43Templo liberado

Do jeito que veio:

 

O alvará de construção da nova Catedral da Fé foi entregue pelo prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, e pelo vereador Valdemir Soares (PRB), membro da Igreja Universal do Reino de Deus, nesta terça-feira (14), ao bispo Wagner Negrão e pastor Marcos, responsáveis pela instituição no Paraná. Segundo o vereador que se empenhou no trâmites para liberação da obra, o documento autoriza a construção do templo que terá oito pavimentos, oito elevadores, 6 mil lugares, estúdios de rádios e televisão, 612 vagas de estacionamento cobertas e heliporto.

“Toda a construção terá selo verde, respeitando o meio-ambiente e será a catedral mais moderna de todo o país, trazendo mais desenvolvimento  à região.”

A construção que deve ser finalizada em 36 meses, será erguida no local onde era antiga sede histórica da Matte Leão S.A, num espaço que ocupa mais de um quarteirão na esquina das avenidas Getúlio Vargas e João Negrão, no bairro Rebouças, em Curitiba. O terreno de 16,3 mil metros quadrados foi comprado pela Igreja Universal do Reino de Deus, no início de 2010.

 

Durante a entrega do alvará, o bispo Wagner Negrão aproveitou a oportunidade e presenteou o prefeito com a imagem do Templo de Salomão, que está em fase final de construção na cidade de São Paulo.

7 ideias sobre “Templo liberado

  1. Cidadão

    Certamente a cota de vereadores e políticos na assembleia e outros espaço (talvez até no TCEPR, quem sabe um pastor evangélico!!!) da referida entidade se elevará e muito !!!

  2. estanislau

    Catedral da Fé no bolso dos idiotas que acreditam no Edir Macedo e sua quadrilha de achacadores
    da patuleia. Parabéns ao Gustavo por transformar a esquina da J. Negrão e Eng. Rebouças num futuro caos. Amém.

  3. Jose Lima

    Esta liberação foi extremamente politica.
    O plano Diretor da PREFEITURA estabelecia esta área para Cultura e Lazer.
    Este imenso prédio vai gerar milhares de carros , pois serão 6.000 fieis em cada culto, transformando o transito no local quem já é um inferno, no maior caos de transito da cidade de Curitiba. É um absurdo o prefeito Fruet em quem depositamos tanta esperança estar naufragando em decisões erradas para a cidade.
    A SETRAN e o IPPUC deveriam sofrer uma ação por parte do CREA PR , se não apresentarem o estudo e plano de transito e transporte da área .

  4. pedro

    E o valor histórico da antiga fábrica da Mate Leão ficou pras calendas. Taí a prova de que se existe um setor de patrimônio histórico em Curitiba, não serve pra muita coisa (se é que algum dia serviu). Quanto aos religiosos, apenas cumprem seu papel na cadeia alimentar.

  5. Vinhoski

    Acho que após o primeiro culto, os valores dos imóveis na região irão desvalorizar e os únicos interessados em investir por lá será para ser donos de estacionamentos.

    Precisamos de escolas e centros de educação infantil, de centros de lazer e cultura, e menos, bem menos, de igrejas e tabernáculos de vendilhões…

  6. Tio Patinhas

    O Heliponto será utilizado para escoar os valores arrecadados dos fiéis, pobres fiéis. Dizimo neles!!!!!!!!!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKK

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>