18:15Um pedágio e dois bordões

Não se fala em outra coisa na Boca Maldita. Depois que Pepe Richa falou e não disse na CPI do Pedágio, agora o Paraná tem dois bordões para o assunto. O primeiro, conhecido, um clássico da fanfarronice, é aquele do Roberto Requião sobre o “baixa ou acaba”. O de agora é mais polido, mas também não leva a lugar nenhum, pois “as negociações são difíceis – mas continuam”.

Uma ideia sobre “Um pedágio e dois bordões

  1. poor devil

    Como nem o velho ditador e nem o irmão do governador não pagam pedágio, porque só cruzam os ares, pagos quase sempre com o nosso dinheiro, dizem as besteiras que lhes vem à cabeça. E, pasmem, acreditam nelas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>