6:37Sem compromisso

Do correspondente em Brasília
A visita nesta tarde de Aécio Neves ao líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno, serviu para reforçar a tese de adiar a decisão sobre quem o partido apoiará em 2014. Parte da legenda acha que é cedo para “bater o martelo” no próximo final de semana, durante Congresso partidário, mas o desejo do presidente da sigla, Roberto Freire, é de que o PPS abrace Eduardo Campos já. Na reunião com o deputado federal Rubens Bueno (sem a presença de Freire), Aécio disse que “não tem compromissos com ninguém” ao responder sobre um possível vice do PPS na sua chapa. As negociações, portanto, estão abertas e permanecerão desde que o PPS adie a definição sobre 2014.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>