15:47A estratégia de Fabio Camargo

Do Goela e Ouro

 

Fabio Camargo entrou ontem com mandado de segurança junto ao Tribunal de Justiça para retomar o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas, de onde foi afastado por medida liminar. O TJ ainda não decidiu a respeito do pedido. No Centro Cívico comenta-se que Camargo também estuda uma saída jurídica para reaver o cargo de deputado estadual caso tudo dê errado na questão da eleição para o TC. Como se sabe, para ir para a Corte de Contas, ele renunciou ao mandato parlamentar.

5 ideias sobre “A estratégia de Fabio Camargo

  1. antonio carlos

    Sugiro ao brilhantina que consulte o irmão do ex-desgovernador que, até o dia de hoje espera ser novamente reintronizado no cargo de conselheiro do TC. Ele sabe bem o que é ir dormir e acordar com a certeza de que entra no Tribunal só á convite. Um dia talvez, lá pelos idos de 2113, a Suprema Corte julgue o seu caso.

  2. Albuquerque

    O Paraná nem parece que fica no sul, parece um estado lá dos grotões, dos coronéis, da casa grande & senzala. Onde se viu um governador (Requião), em pleno exercício do cargo, indicar o irmão para o TC? Ele diz que não indicou e nem influenciou… Além de um estado atrasado, ficamos com a impressão que somos um povo bocó, ignorante, ingênuo. Outro caso que mostra isso é o fato do presidente do TJ influenciar e decidir a indicação do filho para o TC. Será que o Paraná fica mesmo no sul do Brasil?

  3. zepequeno

    hahahahaha…BEM FEITO pro de cujus e pra todos os puxas que o apoiam…eu avisei que essa palhaçada tava errada, que ele nao tinha voto suficiente e que a maré ia virar…hahahha…#chupacupinchada

  4. tirocerto

    Tá. e se o Plauto for o indicado , tudo certo? a RPC via ficar satisfeita? ou seja, mais um político, e sem curso superior? NOTÓRIO SABER ? vai ensejar mais ações….
    PAU QUE BATE EM CHICO, NÃO BATE EM FRANCISCO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>