8:30Foi, mas não foi

Fernando Ghighone ainda não assumiu a Copel, conforme foi anunciado. Há muita possibilidade de ele continuar na presidência da Sanepar. Isso porque o caminho de Orlando Pessuti para esta empresa desapareceu no meio das conversas.

4 ideias sobre “Foi, mas não foi

  1. Pingback: Ghighone na Copel: “foi, mas não foi” |

  2. Politico

    Pessuti deveria buscar novos horizontes e não ficar atras de cargos.
    Tem-se a impressão que ele quer mesmo ajustar a vida dos “seus”…credo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>