12:31Briga italiana

Pega fogo a campanha para eleição de parlamentares para a Câmara de Deputados da Itália. Ontem, em entrevista à rádio CBN, a ex-vereadora Renata Bueno afirmou que apoia o candidato de centro esquerda Pier Luigi Bersani, do PD (Partido Democrático) para o cargo de primeiro-ministro da Itália. Bastou isso para o outro lado da trincheira lembrar que Renata é candidata pelo USEI (Unione Sudamericana degli Emigranti), cujo presidente é Eugenio Sangregorio, que é o coordenador de Silvio Berlusconi na Argentina e comanda os cassinos e casas noturnas daquele país – e este é adversário ferrenho da esquerda italiana. Sabe-se que PPS nacional recebeu do coordenador geral do PD no Brasil uma carta se atenta para o fato de que Renata não é aliada do PD. Isso é política!

9 ideias sobre “Briga italiana

  1. indignado

    A contradição da filha do limpinho é compreensível, como em Pindorama não há coerência do político, é aceitável que milionários, como o seu Pedro Mufato seja filiado ao PPS, que é inimigo do capitalismo. Para nós há nada demais nestas contradições, mas para os italianos há. ACarlos

  2. ana júlia

    tá bom. e o que isso muda na minha vida, na sua e na da cidade? o que é USEI? que sem matem. esses candidatos, que não são notícia, deveriam tirar a mão do passaporte e trabalhar!

  3. rodrigo jr

    Por que esse povo tão dedicado ao governo italiano não se muda de vez pra Itália, já que aqui não servem pra nada?

  4. Zangado

    Vale a pena saber da vereadora se quer ficar trabalhando pelo parlamento municipal de Curitiba, sendo eleita mesmo como suplente, ou pelo parlamento italiano.

    Porque não renuncia ao mandato que detem para definir-se politicamente?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>