17:58Ferry boat vai parar no Ministério Público

Da assessoria de imprensa do deputado estadual Ney Leprevost:

O deputado Ney Leprevost protocolou nesta segunda-feira um requerimento no Centro de Apoio das Promotorias de Justiça de Defesa do Consumidor, solicitando intervenção junto a empresa F. ANDREIS, permissionária do serviço público de balsas e ferry boat que faz a travessia da baia de Guaratuba.  Ocorre que nas últimas semanas o parlamentar recebeu dezenas de reclamações de moradores e veranistas do litoral que chegaram a ficar até 5 horas nas filas de espera do ferry boat.“Essa empresa está desrespeitando o cidadão paranaense. Temos informações de que não cumpriu o item do contrato que prevê a colocação de balsas “jumbadas” (gigantes) para garantir o fluxo de número maior de carros simultaneamente”, afirma Ney.

O deputado defende a construção da ponte na baia de Guaratuba, mas tem consciência que a obra ainda pode demorar alguns anos, e por isso entende que o serviço de balsas deve funcionar da forma prevista no contrato assinado com o governo do Estado. “Este desrespeito as pessoas não pode ser tolerado. Por isso a denúncia no Ministério Público”.

10 ideias sobre “Ferry boat vai parar no Ministério Público

  1. Didi Mocó

    Esse “pedágio” de balsa algum dia irá acabar, quando construírem uma ponte, se fosse num estado e um país sérios, isto já tinho sido feito.

  2. antonio carlos

    Estas loco Ney, puente ligando nadie a cosa ninguna? Já vi tudo, voce nunca teve casa nem num lado nem noutro da baia. Vá até uma das cidddes envolvidas depois da quarta-feira de cinzas, eu já fui, voce pode deitar no meio da rua, que nem gato passa. Tive casa em Guaratuba durante 20 anos, sei o que estou falando. ACarlos

  3. Letícia

    Fez muito bem o deputado. Há anos eu não pegava uma fila tão demorada. Essa máfia do ferry boat tem que ser combatida.

  4. Leandro

    Parabéns, deputado Leprevost.
    Nosso litoral precisa de mais atenção.
    O senhor é um dos raros que se manifestam sempre em nossa defesa.
    Sei que a pauta do momento é o ferry, mas cobre também o desafogamento da estrada de entrada em Matinhos na primeira oportunidade que tiver.

  5. Meire

    O deputado Leprevost fez o certo: enviou para o Ministério Público investigar.
    Se eles constatarem na investigação que o contrato não está sendo cumprido, aí a Assembléia deve exigir que o governo multe a F. Andreis ou até troque a empresa que faz este serviço de travessia.
    Quanto a ponte, seria a redenção do nosso litoral para que ele seja mais frequentado fora do período de temporada.

  6. Mura Mura

    Antonio Carlos, o deputado Ney Leprevost é frequentador assíduo do nosso litoral .
    Tem casa em Guaratuba e sempre está colaborando com Matinhos e Pontal através de requerimentos, emendas e apoio junto as autoridades.
    É grande parceiro de atividades esportivas e culturais em Antonina e Morretes.
    Todos querem a ponte. Outro dia uma criança nasceu dentro do ferry boat, tal era a demora daquela arcaica embarcação.

  7. José Aresta.

    caro zé. a coisa tá feia. teve gente que ficou mais de sete hors na fila no dia 02 de janeiro. um absurdo. o problema – venho falando há muito tempo – é o contrato de concessão com o Governo do Estado.
    Se mexer, vai feder. Pode ter certeza!

  8. Carlinhos

    Caro Mura Mura, a culpa não é do Ferry e sim da falta de hospitais e infra-estrutura de saúde em todos os municípios do litoral. Na maioria das cidades litorâneas a política de saúde é um ônibus que leva os doentes para Ctba. Não é verdade?

  9. Miguel Orleryk

    Bem coisa de deputado que não tem a mínima ideia do que está falando!
    De que adianta colocar mais balsas “jumbadas” se não tiver atracadouro para elas? À fila de carros esperando a balsa vai se juntar as filas de balsas esperando vaga para descarregar os carros.
    Brilhante sugestão, deputado Eremildo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>