14:09Justiça condena prefeito que pintou tudo com cores da campanha

O Ministério Público do Paraná informa:

Justiça condena prefeito por ato de improbidade administrativa

A Justiça Estadual condenou, na última semana, o prefeito municipal de Alto Piquiri, na região noroeste, por ato de improbidade administrativa. A sentença foi proferida a partir de uma ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Paraná.

De acordo com a ação assinada pela promotora de Justiça Melissa Cachoni Rodrigues, o prefeito Gerson Márcio Negrissoli, em 2010, usou o slogan “Gestão 2009 a 2012 Gente que Faz” e as cores de sua campanha eleitoral em ofícios, documentos e veículos oficiais da administração municipal, “o que afronta o princípio da impessoalidade”.

Segundo trecho da decisão da Justiça, favorável à ação proposta pelo MP-PR, “denota-se que a conduta do requerido feriu frontalmente o princípio da impessoalidade, em virtude do nítido propósito de vincular as realizações da administração a sua pessoa, o que configura a prática de fim proibido por lei, nos termos do inciso I do art. 11, da Lei de Improbidade”.

O prefeito foi condenado por ato de improbidade administrativa; ao pagamento de R$ 21.031,24 para ressarcimento aos cofres públicos; ao pagamento de multa civil no valor equivalente a dois salários por ele recebidos no cargo na Prefeitura Municipal; à perda da função pública; suspensão dos direitos políticos por três anos; entre outras sanções.

2 ideias sobre “Justiça condena prefeito que pintou tudo com cores da campanha

  1. Fabiano

    Hmmm, interessante. Vale lembrar que o Ducci fez coisa bem parecida, pintando os terminais com as cores de sua campanha à reeleição. E agora? Fica por isso mesmo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>