11:23Nenhum de nós é separado de qualquer outro

… Sempre haverá dor nas coisas.
Mas não é por saber disso que um homem deve desesperar.
O homem bom procurará tirar a dor das coisas.
O homem tolo nem mesmo o notará, a não ser em si próprio.
E o homem mau aumentará a dor das coisas e a espalhará aonde quer que vá.
Mas cada homem não tem culpa, pois o homem mau, não menos que o homem tolo e o homem bom, não pediu para vir aqui e não veio sozinho, do nada, e sim de muitos mundos e muitas multidões.
Os maus não sabem que são maus, e são, portanto, inocentes.
O homem mau deve ser perdoado todos os dias.
Deve ser amado porque alguma coisa de cada um de nós está no pior homem do mundo e alguma coisa dele esta em cada um de nós.
Ele e nós somos ele.
Nenhum de nós é separado de qualquer outro.
A prece do camponês é minha prece; o crime do assassino é o meu crime.

de Willian Saroyan no livro “Comédia Humana”

Uma ideia sobre “Nenhum de nós é separado de qualquer outro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>