19:16Para o ICI se explicar

Da Gazeta do Povo, em reportagem de Felippe Anibal:

Oposição pede informações sobre parceria entre ICI e prefeitura

Segundo vereadores, Instituto Curitiba de Informática recebe por ano uma média de R$ 117 milhões da prefeitura, para prestação de serviço

Vereadores da bancada de oposição – composta pelos partidos PT, PV e PMDB – protocolaram, na terça-feira (12), um ofício junto ao Instituto Curitiba de Informática (ICI), pedindo informações sobre a parceria da entidade com a prefeitura de Curitiba. Segundo o vereador Pedro Paulo (PT), foram solicitados desde explicações administrativas até o volume de dinheiro público já repassado ao órgão pelo município. Segundo a oposição, o ICI tem recebido da prefeitura uma média de R$ 117 milhões por ano, orçamento superior ao de algumas secretarias, como a Antidrogas e a de Esporte, Lazer e Juventude.

Desde 2002, vereadores já apresentaram 27 pedidos de informações sobre o ICI, entretanto todos foram rejeitados pelo Plenário da Câmara, de maioria governista.

Com a recente Lei de Acesso à Informação, não há necessidade de que os requerimentos passem pela Câmara e os pedidos podem ser apresentados diretamente ao Instituto. “Desde 2002, os vereadores têm tido acesso negado a essas informações. O ICI não é um órgão privado e, como tem contrato com a prefeitura, tem obrigação de ceder as informações pedidas”, disse Pedro Paulo.

Os vereadores solicitaram desde cópias de contratos, balanços até documentos que comprovem e expliquem a estrutura administrativa e hierárquica do ICI. A oposição também quer saber o valor de cada um dos contratos e ter acesso à prestação de contas do instituto.

Auditoria

Segundo Pedro Paulo, a partir do recebimento dos documentos solicitados, a bancada de oposição pretende fazer uma auditoria externa nas contas do ICI. “É verificar se está sendo adequado o que está sendo pago ao instituto ao serviço que está sendo prestado. É preciso analisar o custo-benefício”, disse o vereador. Se constatada algum indício de irregularidade, os vereadores prometem remeter os documentos ao Tribunal de Contas do Estado e ao Ministério Público.

Por meio de sua assessoria de imprensa, o ICI informou que, com base no artigo 2º da Lei de Acesso a Informações, os pedidos serão analisados e que as questões pertinentes ao instituto serão respondidas no prazo previsto de 20 dias.

8 ideias sobre “Para o ICI se explicar

  1. merogi

    muito bem zé beto, virou reprodutor de notícia furada da gazeta contra a prefeitura. quem pediu, o fruet?

  2. Osni

    A questão não é essa. O ICI está se negando a fornecer até para o MP. O Advogado Tarso Cabral Violin fez o pedido e este foi negado.

  3. Diogo Lima

    Independente da Noticia ser furada ou não, Independente de quem o ze vai votar, os problemas são: Por que a relutancia da ICI de mostrar os dados( se é que de fato estão sendo pedidos), e outra….Por que os nobres vereadores questionam agora, se foram eles que LIBERARAM os recursos para ICI, e se formos atras do diário oficial, QUANTOS DELES na EPOCA, foram de fato contra?? Acredito que o nome disso seja: Campanha politica…..

  4. Milton Santos

    Esse Algacy Tulio que vai protocolar o requerimento não deve ser o mesmo que usa notas frias para roubar dinheiro da Camara, né? Seria no mínimo ridículo! Incrivel como gente como Feltrin, Pedro Paulo, Algacy e afins tem cara de pau. Espero que este ICI preste mesmo os esclarecimentos à sociedade, mas é triste ver como tudo isso nao passa de manipulação politica às vesperas de campanha.

  5. jeremias, o bom

    Os escandalizados com o mensalão (?!) querem “boca de siri” sobre o ICI, o Derosso, etc.

    Como dizia o Sócrates:
    - Não precisa explicar! Eu só queria entender!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>