7:55JORNAL DO CÍNICO

Do Filósofo do Centro Cínico:

Zé Dirceu quer o povo nas ruas para defendê-lo durante o julgamento do mensalão. Disse isso aos meninos da UNE. Deve ter prometido aumento no estoque de cachaça durante a coisa. Provavelmente conversou também com seus paus mandados de Brasília para ver se consegue um indulto para que os integrantes das quadrilhas que estão presas em todo o país empunhem nas ruas e avenidas sua bandeira de inocência. Dirceu deveria se inspirar no companheiro  José Genuíno, o ex-guerrilheiro que se transformou no maior matraca do país até ser flagrado com dinheiro sujo nas mãos. Daí em diante ficou mudo.

8 ideias sobre “JORNAL DO CÍNICO

  1. Velho de Guerra

    A UNE e suas correlatas espalhadas pelo Brasil, notadamente nas IES Públicas, servem apenas para abrigar os “estudantes profissionais”. Basta ver a cara dos figuras que integram as diretorias, estão lá usufruindo das verbas e benesses que os cargos concedem. Aliado a hipocrisia dos políticos e outros agentes, os ditos “defensores” insistem em perpetuar. É hora de acabar com essa farsa e mamata. Estudar é um direito e uma obrigação de todos que realmente querem um Brasil de todos e para todos.

  2. leitor

    Esse teu amigo filósofo deve ser da turma do Demétrio Magnoli e outros gênios, desses que só consegue ver pecado no quintal do vizinho. Afinal, pra cada Genoíno (com O) temos um Demóstenes Torres, até anteontem o maior vestal da moralidade deste país. Nem era tão difícil assim de lembrar, né mesmo?

  3. Roberto Bertholdo

    Caro Zé,
    Sei que o “Filósofo do Centro Cínico” nunca é a mesma pessoa e que em verdade são vários “filósofos” que têm o dom de esculhambar eventos e situações absurdas. Mas o filósofo desta nota, acusando duramente o Zé, esquece que a filosofia é a ciência que se dedica à encontrar os fundamentos da existência e do conhecimento, na busca incansável da verdade.

    Admira-me ver como o Brasil engole “verdades absolutas”, sem se aprofundar, sem pesquisar e sem conhecimento de causa.
    Essa história de mensalão é o mais contemporâneo exemplo da estupidez coletiva que acredita em tudo que está escrito, sem pesquisar à respeito. Justamente ontem, filsofando sobre o comportamento da mídia predominante no Brasil, cheguei a conclusão que se Jesus Cristo tivesse nascido hoje, a Virgem Maria, após uma reportagem bombástica do Fantástico, seria presa preventivamente a pedido do Ministério Público. Além disso, a esmagadora maioria da população brasileira estaria criticando e rindo da mãe que se apresentava como a genitora do filho de Deus.

    Como bem comentou o leitor Velho de Guerra: “Estudar é um direito e uma obrigação”. Informar-se também é um direito, mas deveria ser obrigação Porém, também deveria ser obrigação buscar saber se a informação é verdadeira.

    Todo esse preâmbulo serve pra dizer que vivi de muito perto o momento do mensalão. Além disso, como advogado de envolvidos no caso, vi e sei o Zé não tem nenhuma relação com as acusações que lhe atingem e que a maioria da população recebe como sendo verdade.
    O melhor filósofo é aquele que se aprofunda no conhecimento. Este aí, não fez a básica lição de casa e acredita numa enorme injustiça que se faz à um político, que acima de tudo sempre pensou no Brasil.

    Essa bobagem coletiva de que o Zé teria sido chefe de uma organização, comprova mais uma vez de que os governos anteriores premeditadamente investiram na deseducação de nosso povo.
    Como testemunha presente não posso deixar de defender Zé Dirceu. Como advogado também defendo todos os esforços dele para provar sua inocência. Como brasileiro e incansável admirador do Zé Dirceu, torço para que a justiça seja feita.

  4. Tuma

    Ana, vc deve ser um grande exemplo, nunca deve ter errado? Ze Dirceu nao fez nada demais, foi condenado pela imprensa. Sem defesa!

  5. Bolinao

    Gostei do texto do Roberto Bertholdo, falou a verdade, escreveu o que sempre pensei. No Brasil vale o julgamento da imprensa e o povo cai como sempre. Até ontem acredidatavam na VEJA, hoje virão o quão manipuladora ela é. Zé Dirceu não é exemplo, mas esta longe, muito longe de ser um bandido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>