12:58René Dotti é indicado para o Prêmio Joaquim Nabuco de Direitos Humanos

Tribunal Regional do Trabalho do Paraná informa:

O presidente do Tribunal Regional do Trabalho do Paraná, desembargador Ney José de Freitas, indicou o jurista paranaense René Ariel Dotti para o Prêmio Joaquim Nabuco de Direitos Humanos, conferido pelo Conselho
Nacional de Justiça (CNJ). A medalha foi instituída em abril deste ano para lembrar o centenário da morte do abolicionista. Entre os que já a receberam estão a pediatra Zilda Arns, coordenadora da Pastoral da Criança, que morreu no início deste ano, o indigenista Orlando Villas-Boas e o jurista Hélio Bicudo, conhecido pelo combate aos esquadrões da morte.

René Dotti, ressaltou Ney José de Freitas ao ministro Cezar Peluso, presidente do CNJ, “é um daqueles modelares guerreiros da liberdade e da democracia, princípios fundantes dos direitos universais da pessoa humana. Conhecedor do Direito em profundidade, dotado de inatacável credibilidade, sua atuação como advogado teve início quando, ainda muito jovem e recém-formado, não hesitou em defender os perseguidos diante da arbitrariedade do regime de exceção instalado a partir de 1964.”

Entre os vários livros do jurista paranaense está a edição comemorativa aos 50 anos da Declaração Universal dos Direitos do Homem.

A Medalha Joaquim Nabuco será entregue anualmente a 10 pessoas que se destacaram na defesa dos direitos humanos. As indicações são feitas até o dia 19 de dezembro e os premiados serão escolhidos pelos componentes do
CNJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>