23:04É hoje!

por Danuza Leão, na Folha de São Paulo:

BOA SORTE ao eleito de hoje.
Se for aquele em quem votei, ótimo; se não for, boa sorte assim mesmo, e que Deus proteja o Brasil -e nos proteja.
Hoje à noite, na hora em que Lula puser a cabeça no travesseiro, vai cair a ficha: agora é só uma questão de tempo, e pouco tempo.
Ele se acostumou com o sucesso e a popularidade, mas vai ter também que se acostumar a não ser mais presidente da República, só que não vai ser assim tão fácil. Para isso é preciso ter sabedoria e equilíbrio, qualidades que definitivamente o presidente não tem.
Lula sonhou alto; pretendia ser secretário-geral da ONU, pretendia que o Brasil fizesse parte do Conselho de Segurança, pretendia ganhar o Nobel da Paz, quis resolver o confronto no Oriente Médio, foi chamado por Obama de “o cara”; começou a se achar dono do mundo, meteu os pés pelas mãos e conseguiu, na hora de sair, ficar mal na foto. Bem mal.
Qualquer que seja o resultado de hoje, temos boas razões para comemorar. Não vamos mais ver na TV Lula andando com o microfone na mão, como se estivesse num auditório, dizendo “nunca antes nesse país”, comparando tudo que acontece a um jogo de futebol, sem um pingo de graça.
Não vamos mais ver Marisa Letícia vestida de verde e amarelo nas comemorações da Independência ou de vermelho em carreata eleitoral, saudando o povo com os braços para o alto, como se fosse uma miss; sua voz, ninguém jamais ouviu, e seu único ato foi fazer um canteiro com uma estrela vermelha no jardim do Palácio da Alvorada. Que foi retirada, por sinal.
O Brasil, que já tinha ficado bem mal educado nos tempos de Collor, ficou ainda menos educado depois dos oito anos de Lula. A falta de cerimônia, os péssimos modos, a maneira de se dirigir a seus adversários, o pouco caso com que atropelou as leis eleitorais; dizer inverdades, agindo como se os fins justificassem quaisquer meios, e que a impunidade é lei. Tudo foi um péssimo exemplo.
Quando um novo presidente é eleito, tudo muda – para melhor ou para pior. Penso em Cristina Kirchner, que deve estar passando por maus momentos, em todos os sentidos. Como fará para governar o país, sem seu marido ao lado para encarar os problemas, maiores ou menores?
É o perigo de ser eleito/a um candidato/a que precisa de quem o dirija na hora do aperto, para que o país não fique à deriva. Já pensaram se a mulher de Joaquim Roriz vence a eleição no Distrito Federal e seu marido morre? Antes de votar, há que se pensar em tudo, até no que parece impossível poder acontecer. E se acontecer?
Lula deve estar cansado, merece umas férias, e será recebido com festa na Venezuela, em Cuba e também no Irã.
Vai, Lula, você merece: nós também estamos muito cansados de você.

PS – Não há mais o que falar sobre eleição; então, depois de votar, passe numa livraria e compre o livro “Contra um Mundo Melhor”, de Luiz Felipe Pondé, editora Leya. Tive dificuldade em alguns trechos -difíceis para quem não tem uma grande cultura-, por isso aconselho a deixá-lo na mesa de cabeceira, pegar de vez em quando, abrir em qualquer página e reler. É uma leitura perturbadora, que nos faz pensar, o que fazemos pouco.

Dê a você essa chance, a de pensar. Juro que não dói.

8 ideias sobre “É hoje!

  1. Fabricio Nunes

    O Lula entrou na história. O fato novo é que ele conseguiu eleger a primeira mulher presidente do Brasil. E olha, era a primeira candidatura dessa mulher.

  2. K.

    Acho que acima da crítica a Lula, acima da crítica a Dilma, penso que ela pede pra que as pessoas olhem mais. critiquem e não fiquem sacralizando as coisas, os feitos e as pessoas.

  3. sirlei

    Coitada Danuza. Acho que ela se olha no espelho e pensa: “Meus Deus! como sou feia! E aí começa a escrever bobagens. Como diria meu filho: Ela é muito tosca.

  4. Luiz Miguel

    Quem é essa perua, socialite decadente para falar tanta besteira.
    Como se os “bem educados” de “bons modos” tivessem feito metade do que foi feito neste país para os menos favorecidos.
    Faça um favor a todos nós, recolha-se a sua insignificância.

  5. Chico

    parabéns Danuza, sintetizou o pensamento de 45% deste país, e daqueles, cujo cérebro ultrapassam o diametro de uma ervilha…

  6. carvalho

    Sirlei, chamar alguém de feio é demonstrar que estão faltando argumentos. A tosca é você, bagaço espiritual…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>