18:54Tiririca e Lula

Da internet:

Resolvido o impasse eleitoral:
Tiririca informa que concorda em realizar o teste escrito, desde que quem corrija seja o Lula.

8 ideias sobre “Tiririca e Lula

  1. Tia Cotinha...

    Zé Beto…”esse menino”!!! esqueceram no personagem principal nessa banca, pois o Lula é capaz de reprovar o Tiririca, tem que convidar, também para essa banca o Vigarista da Mooca, explico abaixo:

    Serra também não tem diploma
    24/9/2002 16:02, Sebastião Nery – Tribuna da Imprensa
    Um amigo, também amigo de Serra, seu companheiro de exílio no Chile e hoje brilhante professor universitário no Brasil, me diz, rindo, sobre essa coisa idiota de ter ou não ter diploma para ser presidente da República:
    - O Serra não está dizendo que Lula não tem diploma universitário? Pede a ele para mostrar o dele. Desde nossos tempos de Santiago, lá no Chile, e também depois que ele foi para os Estados Unidos, e mesmo quando voltou para o Brasil, em 79, com a anistia, há um mistério sobre sua formação universitária. Ele diz que é economista. No Brasil, em 64, estudava engenharia. Fez brilhante mestrado em economia no Chile e doutorado nos Estados Unidos. Cada país tem uma legislação de ensino diferente. No Brasil, só pode fazer mestrado e doutorado depois de ter o diploma de graduação. Mas ninguém nunca viu o diploma de economista dele. Já que agora ele tem televisão à vontade, era uma boa oportunidade de mostrar.
    Não vai mostrar nunca, porque, como diz de Lula, também ele não tem diploma. Na biografia autorizada que fez de Serra, o jornalista Teodomiro Braga conta porque Serra não tem diploma universitário. Estudava engenharia em São Paulo. Com o golpe de 64, foi exilado para o Chile e, para fazer mestrado de economia lá, fez uma prova que substituiu a exigência do diploma do curso de graduação. Depois, fez doutorado nos Estados Unidos.
    Pela legislação brasileira, se você faz universidade lá fora, para dizer que é e ser profissional aqui, o Ministério da Educação tem que validar o curso de lá. Se não não pode pertencer à categoria. O de Serra foi validado?
    O mistério mora aí. Onde, quando e sobretudo como Serra fez a tal prova, para dispensar o curso da Universidade e fazer logo o mestrado? Em um Detran educacional qualquer, como se fosse uma carteira de motorista? Esta é uma boa pergunta: quem foi o despachante de Serra no Chile?

    sebastiaonery@tribuna.inf.br

  2. samuel antonio da silva

    fala doutor, todo preconceito contra qualquer situação deve condenado…a ainda saiba que título não encurtam as orelhas…O seu dr FHC fez muito pelo Brasil lembra dele???

  3. Frik

    Hugo Chavez Frias, virtual ditador da Colômbia Redonda (e eu que pensava que Colômbia Redonda fossem quadros de Botero…) :roll: – - – Chavez prometeu petróleo, para uma das ex-repúblicas soviéticas, pelos próximos 200 anos … Deve ser o tempo que ele espera ficar no poder: dois séculos …

  4. jose

    ZB, acho que o texto abaixo clareia as dúvidas sobre a formação do serra, questionada pelo “cotinha”.

    Aproveito para pedir ao “cotinha” que fale sobre o “doutorado” do mercandante e o “mestrado” da dilma…

    ” segundo o Decreto nº 31.794, de 17 de novembro de 1952, do Conselho Federal de Economia, nos termos do artigo 1º, letra (b), Serra é economista por seus diplomas estrangeiros (Universidade do Chile e Universidade Cornell).

    o decreto, obviamente, não menciona nada sobre registro profissional, que é obrigatório apenas para quem quer exercer a profissão.

    além disso, Serra somente pôde ser professor de economia na Unicamp porque seus dois mestrados e seu doutorado foram aceitos. quem conhece um pouco sobre o que é ser professor em uma instituição de ensino superior conhece a necessidade dos diplomas de mestrado, e por vezes de doutorado, para poder ser contratado.

    ou seja, para qualquer pessoa de bom senso e com um mínimo de inteligência, e para a Universidade do Chile, a Unicamp e Cornell, Serra é economista.

    a tese de doutorado de Serra em Cornell é fácil de achar na bilbioteca daquela universidade. basta procurar por “Some aspects of economic policy and income distribution in Chile, 1970-1973″.

    Adicionalmente, no livro RETRATO DE GRUPO – 40 ANOS DO CEBRAP, da editora Cosacnaify, que perpassa os 40 anos de vida do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento – Cebrap -, completados em 2009, José Serra é tratado como um intelectual da economia.

    Não bastasse isso, Guido Mantega, do PT, publicou um livro em 1999 chamado CONVERSAS COM ECONOMISTAS BRASILEIROS, no qual entrevista vários economistas – um dos quais José Serra.

    Em seu livro, Mantega faz uma biografia fiel da história acadêmica de Serra e valida inequivocamente sua formação como economista.

    Nesse livro, entre outros economistas, aparecem nomes como Paul Singer, do PT, e Gustavo Franco, que participou do governo FHC. certamente nem Guido Mantega nem os demais economistas entrevistados para o livro questionam que Serra é economista.

    Portanto, se a Universidade do Chile, a Unicamp, Cornell, Guido Mantega (PT), Paul Singer (PT) e todos os economistas que o conhecem, reconhecem Serra como economista, o que é um militante ptista para dizer o contrário?”

  5. Frik

    Lula: “Lula foi alfabetizado no Grupo Escolar Marcílio Dias, apesar da falta de incentivo do pai, analfabeto, que entendia que seus filhos não deveriam ir à escola, mas apenas trabalhar.” e depois “vaga no curso técnico de torneiro mecânico do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI). Formou-se três anos mais tarde”

    Dilma: cito “O site oficial da Casa Civil informava ERRONEAMENTE que Dilma era mestre em teoria econômica pela Unicamp e doutoranda em economia monetária e financeira pela mesma universidade. Na Plataforma Lattes, Dilma estava identificada como mestra, com título obtido em 1979, e doutoranda em ciências sociais aplicadas desde 1998. Conforme informações da Unicamp, Dilma cumpriu os créditos (cursou as disciplinas e demais requisitos) referentes aos cursos, mas NÃO defendeu as teses, NÃO obtendo assim os títulos”

    ainda a Dilma : “No início dos anos 1990, matriculou-se no curso de teatro grego do dramaturgo Ivo Bender. A mitologia grega tornou-se uma obsessão para Dilma, que, influenciada por Penélope, resolveu aprender a bordar” Hmm :roll: … Já é de se ponderar …

    Serra: cito “Serra interrompeu a sua formação acadêmica em função do exílio, que impediu que seguisse a carreira de Engenheiro. No entanto, no Chile, fez um mestrado em Economia e foi professor de matemática na CEPAL. Posteriormente, nos Estados Unidos, fez mais um mestrado e um doutorado na prestigiada Universidade de Cornell.”

    (só fontes neutras … mas isto de cobrar graduação no Brasil de alguém que já é mestre no Chile e doutor nos EUA, é bobagem – só vai confundir a cabeça de gente muito ignorante – o que diga-se de passagem, deve ser o que eles esperam)

  6. Tia Cotinha...

    Zé Beto…”esse menino”! Quanto mal fez a filosofia positisva nesse Brasil.

    ” segundo o Decreto nº 31.794, de 17 de novembro de 1952, do Conselho Federal de Economia, nos termos do artigo 1º, letra (b), Serra é economista por seus diplomas estrangeiros (Universidade do Chile e Universidade Cornell).

    o decreto, obviamente, não menciona nada sobre registro profissional, que é obrigatório apenas para quem quer exercer a profissão.

    Decreto de 1952 – Por esse decreto não são válidos no Brasil, esses diplomas, pois não certificados por nenhuma Universidade Federal do Brasil.

    PS leiam todo o decreto.

    Beijos! Zézinho.

    Tia Cotinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>