7:08Parafuso

A onda agora na campanha presidencial é a denúncia sobre gráficas que imprimiram panfleto x e panfleto y contra os dois que pretendem tomar conta da esbórnia. No Paraná o maior clássico deste tipo de propaganda direta, indireta, subliminar e no quengo ainda continua sendo o famoso “Parafuso Solto”. Os autores e o atingido, no caso do último o agora senador eleito Roberto Requião, guardam com carinho exemplares daquela publicação. De vez em quando tiram a publicação do cofre – e riem muito, principalmente Requião, que depois daquelas linhas emplacou três mandatos como governador do Paraná. Isso é política!

3 ideias sobre “Parafuso

  1. Carlos Honorato da Silva

    Zé Beto,

    Tive que recorrer ao seu blog porque acontece um caso no mínimo interessante. O blog do Esmael Morais voltou e quando você posta algum comentário contrário ao que ele escreve, Esmael simplesmente não publica. Já aconteceu isto antes.A ironia disto tudo é que ele se diz censurado, fica bradando como o mais injustiçado da nossa paróquia. No rodapé do seu blog está escrito “sem censura”. Ou o cara é sórdido mal intencionado ou de fato é um jornalismo safado. Pelo jeito são as duas coisas. Fiz uma coisa simples e eficaz: deletei, não leio mais. E mais: recomendo a todos fazer a mesma coisa.

  2. ziquizira

    O texto do Parafuso sobre Requião começava assim:

    “Requião dá milho para bicicleta” junto a uma foto dele em traje de Napoleão com o famoso chapéu do imperador
    virado ao contrário e mão enfiada dentro da jaqueta.

    Parece que, agora, ele tem dado mamona pra bicicleta….

  3. Tia Cotinha...

    Zé Beto…”esse menino”! Por falar em Requião, vc pode me confirmar essa notícia que: ele comprou um boteco em Antonina, para poder brigar em paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>