17:14Social e tal

Do Filósofo do Centro Cínico:

Lucia Arruda abriu as portas do Provopar para a futura primeira-dama do Estado Fernanda Richa. Gesto simpático e democrático. Já a primeira-dama atual, Regina Pessuti, se pudesse, fecharia as portas do Provopar com Lucia Arruda dentro.

8 ideias sobre “Social e tal

  1. Jonas

    Primeiro, a Regina nunca quis fechar o Provopar, seja com a Lucia dentro ou fora dele. E a Dona Lucia, ao fazer um “gesto simpatico e democratico” com o Fernanda, mostra quanta falta de simpatia e desejo de perseguicao tinha para com a atual primeira-dama.

    Por que tanto odio da familia Pessuti? Simples, os Requioes nao querem que o Pessuti assuma o comando do partido… pois se isso acontecer, eles nao terao mais de onde mamar…

  2. Pingback: MAXBLOG » Blog Archive » A rara sutileza da doce Lúcia

  3. Ferreirinha na Campana

    Em nome da verdade
    Em nome da verdade.
    Campanha de Dilma cria central oficial contra boataria

    O endereço oficial na internet da campanha de Dilma Rousseff criou uma central onde qualquer pessoa pode conferir se um boato recebido por email ou de ourta forma sobre ela é verdade ou é mentira. O endereço é esse:

    http://www.dilma13.com.br/verdades

    Se você ficar sabendo de outros boatos, denuncie lá no botão contato, ou na área de comentários.

    Cada um precisa fazer sua parte

    Denunciar na central oficial também é importante. Mas não se limite a isso, esperando que os outros façam tudo. Nossa maior força não é a militância popular, é cada cidadão exercer seu papel de garantir nossa cidadania.

    Se receber email de pessoas conhecidas contendo mentiras, responda com a verdade, com seriedade e educação. A melhor forma de convencer algum amigo de boa vontade, mas que esteja mal-informado, é com seriedade e educação.

    Faça mesmo fora do mundo virtual, nas conversas pessoais.
    Se receber um email que contém crime, denuncie. Atribuir a uma pessoa crime que a pessoa não cometeu, é crime de quem acusa. Em caso de candidatos às eleições, é agravante, por que a ofensa não é apenas pessoal, mas perturbação à ordem democrática, sujeitando os criminosos a penalidades como formação de quadrilha, alarmismo, etc.

    Denuncie na Polícia Federal

    http://www.safernet.org.br/site/

    Denuncie ao Ministério Público Eleitoral
    (é crime divulgar mentiras sobre
    candidatos ou partidos para influenciar o eleitor)

    e-mail: pge@pgr.mpf.gov.br

    O e-mail é prova material do crime. Basta reencaminhar.

    Quem souber como mostrar o código original da mensagem (com o IP de origem), envie estas informações também.

    Prefira fazer denúncias identificadas do que anônimas.

    Atenção
    Se receber um e-mail anônimo ou vindo de lista de spam, fazendo campanha positiva ou negativa, contendo crime ou não, denuncie ao Ministério Público Eleitoral.

    1) E-mails de pessoa física que expressam apenas opinião ou narram fatos verdadeiros não é crime, não devem ser denunciado para não atrapalhar as investigações sobre os verdadeiros criminosos.

    2) Qualquer e-mail contendo mentiras para convencer o eleitor é crime eleitoral, e deve ser denunciado ao PGE.

    3) E-mails em massa vindos de sistemas empresariais, independente de ser opinião ou não, seja para fazer campanha negativa ou positiva, quase sempre é crime eleitoral (conforme os Art. 57-C, Art. 57-D e Art. 57-E da Lei Nº 12.034/2009).

  4. Parreiras Rodrigues

    Mudarei meu voto de Serra para Dilma se essa Central da Verdade

    1 – Mostrar o verdadeiro currículo da candidata.

    Afirmo que ela participou da guerrilha não pela redemocratização do país, mas para a implantação dum estado totalitarista, nos moldes cubanos.

    Quie a centra prove o contrário

    Que ela se apresente no horário eleitoral ao lado da sua família: pais, irmãos, marido.

    Qual a versão atualizada do PNDH

    Em que órgãos do Governo, ela ocupou cargos de conselheira?

    A verdade sobre o emprego para a mulher de Olivero Medina, porta voz infoirmal da narcoguerrilha. (leiam Farcs)

    A verdaded sobre o Foro de São Paulo, da fundação do Comitê de Solidariedade dos Movimentos da Libertação da Colombia.

  5. Parreiras Rodrigues

    Como diria Jaques, o Estripador, por partes. Respondam essas que tenho mais macuco no embornal…

  6. Omero

    Interessante: emails em massa saiam de órgãos públicos do Paraná, inclusive a Sanepar, segundo a imprensa, na última eleição em favor do candidato Osmar;
    Boatos e denúncias de políticos ou politiqueiros é o que mais se viu antes e durante as eleições. Nesta última, e em todas as outras, houve inclusive compras de dossiês, como aquele paulista, que acabou dando em nada…
    Recebi na última eleição um monte de emails de políticos falando, novamente, mentiras. Além de promessas, que sabemos, mentirosas, pois nunca farão o que prometem com a eficiência que querem passar em época eleitoral;
    Acho também que deveria ter regras firmes para penalizar candidatos mentirosos, aproveitadores e oportunistas. Independente de quem.
    Afinal, a política brasileira precisa mudar, melhorar, evoluir. Mas – os mesmos políticos de sempre – não permitem. Como está, parece, está ótimo!
    Tenho por regra que basta cumprir a Constituição e o cidadão estará em dia com a justiça. Enquanto muitos dos atuais políticos carreiristas não cumprem com os dispositivos constitucionais, nem honram os votos conquistados nas urnas e, no entanto, estão dando às cartas no Congresso Nacional e nas câmaras estaduais, com a maior cara de pau.
    Isso também precisa mudar. Quem se habilita a fazer um movimento nessa direção?

  7. Omero

    Quanto abrir às portas do Provopar, nada mais é do que uma obrigação da entidade, independente de quem a dirige.
    Afinal, a Primeira-Dama do Estado, independente de quem e desde que goste de trabalhar pela causa social, é a líder dos movimentos de natureza sociais. Sempre foi assim.
    Portanto, alardeiam méritos, quando na verdade, é OBRIGAÇÃO repassar o cargo, sempre que muda o governo.
    A inversão de valores galopa nestes tempos quase bolivarianos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>