18 ideias sobre “Lobo mau

  1. Edmar Luiz Costa Junior

    Taí, Zé Beto:

    A prova real do tipo de gente que é o Requião.

    Personalidade doentia. Caráter zero.

    Parece que quanto mais o tempo passa, pior o homem fica.

    Lamentável.

    Grande abraço.

  2. André Almeida

    Zé, infelizmente o Requião, vulgo Maria Louca, ou como dizem alguns depois de levar alguns sopapos, Maria da Penha, poderia passar sem essa, o cara foi prefeito, deputado federal, senador, governador do Paraná por 3 mandatos, e age desta forma, que lástima para o Senado Federal.

  3. silas

    O Gustavo está acima desta insanidade, esta rima …” guginha virou mingua au, au, au…” rima também com eu (Requião) tomo GARDENAL e ando no meu cavalo que pintei de cor de rosa isso ainda quando estava iniciando minha graduação em loucura.

  4. Ivan Schmidt

    Alô Zé Beto:

    Li um ótimo livro de psicologia (O código do ser), escrito por James Hillman. Ele discorre amplamente sobre a teoria da semente de carvalho (a gente nunca sabe o que o bebê vai ser no futuro), com base na biografia de um monte de gente. Quando disseca a vida do velho Adolf, que se autointitulava o “her Wolf”, Hilmann diz que os mais íntimos servidores do cabo austríaco, não raras vezes, ouviram-no cantarolando: “Quem tem medo do lobo mau”… (Pano rápido).

  5. Zangado

    Lobo Mau ou Lobo BOBO ?

    Canta Simonal:

    Era uma vez um lobo mau

    “chapeuzinho percebeu
    que o lobo mau se derreteu
    pra ver voces que lobo
    tambem faz papel de bobo”

    “só posso lhe dizer
    chapeuzinho agora traz
    um lobo na coleira que
    nao janta nunca mais”

    lobo BOBO …….

    KKKKK

  6. Serpa

    Requião comporta-se como velho babão, perdeu a noção de ridículo. Foi ignorado durante a campanha. Só teve companhia quando se juntou à tropa de Osmar e Gleisi. Daqui pra frente será ignorado ou, talvez, tolerado, aquele tipo que a gente ouve por um ouvido e sai pelo outro. O ciclo dele está se encerrando, viverá o ocaso político. A ele, Requião, caem sob medida dois livros do escritor colombiano Gabriel Garcia Marquez: O OUTONO DO PATRIARCA e NINGUÉM ESCREVE AO CORONEL. Que a terra [do ostracismo] não lhe pese muito…

  7. kowalski

    Na maioria das grandes cidades, Requião ficou em quarto lugar. Inclusive em Curitiba, onde teve menos votos que Fruet, Gleisi e Ricardo Barros. O ex-governador foi salvo pelo erro das pesquisas e pela subserviência dos eleitores das cidades pequenas. O megalomaníaco Roberto Requião de Mello e Silva passa a ser o SENADOR DOS GROTÕES. Triste sina!

  8. c pedrosa

    Requião existe enquanto tiver platéia. É repetitivo, de mau gosto, anacrônico. Ignorá-lo deveria ser a postura dos inteligentes. lamentável esse destaque dado às suas pseudo-idéias e/ou piadinhas sem humor. Pior ainda reproduzir o que esse fóssil diz no twitter, essa janela papal dos medíocres. Ignorado, como merece, Requião morre. Sugiro uma série: a decadência. Imagens grotescas do atual Requião, sem comentários.

  9. Dr. Dioclécio Salustiano

    Gustavo Fruet deveria ingressar na justiça contra o nepote. Usou e abusou da maquina pública para se eleger, em especial a tv deseducativa. Certamente conseguiria, em 8 anos de processo, derrotar aquele cujo todo paranaense de bom senso espera pela justiça divina.

  10. Joana

    Que preguiça dos seus leitores, Zé. Será que ninguém sabe que quem chamou o Requião de lobo mau foi o próprio Gustavo?? Quando o requião é agredido batem palmas quando revida é um canalha. Falta bom senso e bom humor aos seus leitores. Educação também é recíproca, ninguém é agredido o tempo todo sem nunca revidar. Sorte que seus leitores não representam o eleitorado paranaense, tanto que o Requião ja foi prefeito, senador, deputado, governador… Ri melhor quem ri por último, e com certeza o Senador está a rir desses pobres e infelizes leitores que além de não ter senso de humor não conseguiram tirar o velho e bom Requião do páreo, mais uma vez! hahahaha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>