8:40O horizonte de Ivan Bonilha

Ivan Bonilha, o chefe da equipe de advogados de Beto Richa que conseguiu fazer com que a Justiça Eleitoral barrasse uma série de pesquisas na reta final da campanha, feito inédito no país e que deverá jogar holofotes sobre a atuação dos institutos, foi dormir ontem como um dos principais responsáveis pela vitória do tucano. Agora, para seu horizonte, pode-se abrir até uma das próximas vagas de conselheiro do Tribunal de Contas do Paraná.

7 ideias sobre “O horizonte de Ivan Bonilha

  1. Estatística

    O Bonilha fez um bom trabalho na Procuradoria de Curitiba. Se chegar a Conselheiro vai ser o primeiro funcionário de carreira (concursado) a ser Conselheiro.

    Por falar nisso, como fica a vaga do Maurício, que está “pendurada” no Supremo?

  2. antonio carlos

    O Bonilha não deveria ser indicado para o TC, mas para uma vaga nos tribunais superiores, mostrou que tem capacidade e conhecimento de sobra. Porque desperdiçar tanto talento com a análise de continhas de prefeitura? A hora de pensar grande é agora, porque o obscurantismo da era requiana ficou para trás. ACarlos

  3. Carlito Tito

    O Bonilha foi o excepcional ponto positivo desta eleição . Um cara moderado e sereno ,tomou a decisão de questionar ,”e não de decidir nada”, a metodologia dos famigerados institutos nacionais e sem dúvida arrebentou no TRE.Parabéns à justiça paranaense e aos seus brilhantes representantes . E olha que quem deu a sentença à favor do ibope foi o primo do Collor . E nossa OAB ,QUE OPORTUNIDADE PERDEU DE FICAR QQQQQQUIETA !

  4. FUNCIONÁRIO

    SR.ESTATISCA O PRIMEIRO FUNCIONÁRIO A SER CONSELHEIRO É O FERNANDO GUIMARÃES,ALIAS O MAIS COMPETENTE QUE A CORTE DE CONTAS JÁ TEVE ATÉ O MOMENTO.IMPORTANTE CHEGOU LÁ POR CONCURSO E MÉRITO TECNICO.

  5. Estatística

    O Dr. Fernando era o Procurador Geral à epoca.

    Os Procuradores são do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas e não funcionários de carreira do TC.

    O Bonilha é da “arraia miúda” dos técnicos e, se tornar-se conselheiro, não vai ser preenchendo a vaga do MP ou dos Auditores, o que é o caso do Fernando Guimarães e do Caio Soares.

  6. gatsby

    Fernando é competente. Foi funcionário comissionado no gabinete de Cândido Martins de Oliveira, até 1995. Depois, foi aprovado em concurso público para o cargo de Procurador. Chegou a Procurador-Geral e, nesta classe, foi nomeado Conselheiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>