8:58Sobram números, faltam casas

O deputado Élio Rusch (DEM) relembrou ontem a promessa da campanha de 2002 de Roberto Requião de que iria construir 200 mil casas e fez um balanço dos quase sete anos de governo a partir de respostas dada oficialmente pela Companhia de Habitação do Paraná, (Cohapar):

- Desde 2003 a Cohapar construiu 31.807 residências, ou seja, em seis anos e oito meses de mandato foram construídos apenas 15% do total prometido.

- 211 terrenos  foram doados por prefeituras municipais para a Cohapar em convênios assinados pelos prefeitos que têm a expectativa de que as moradias serão ali construídas. Nestes terrenos há a previsão de se erguer 12.962 unidades habitacionais. A Cohapar, entretanto, não tem previsão para o início das obras.

- Segundo as informações da Cohapar, existem atualmente 99 empreendimentos em construção no Paraná, o que resultará em 5.210 novas moradias.

-  Somando as casas já entregues, as que estão em construção e aquelas sem previsão de início das obras, chega-se  a um total aproximado de 50 mil casas, 1/4 do prometido. 

- Há ainda a possibilidade de que o Governo do Paraná construa mais 44.172 casas em parceria com o Governo Federal pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”. Mesmo assim, o total chegaria a 100 mil, metade do prometido.

“Sabemos que isso não vai acontecer. Não irão conseguir cumprir as metas. O governo estadual tem feito promessas em vão e só temos que lamentar mais esse factóide do governo Requião”. disse Rusch.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>