17:17Usain Bolt: 100 metros em 9s58

Do UOL:

Bolt arrasa, vence 100 m com 9s58 e quebra recorde mundial em Berlim
por Fernando Narazaki, de Berlim

O jamaicano Usain Bolt ultrapassou novamente os limites do homem, estabeleceu o novo recorde mundial dos 100 m e conquistou um grande título que lhe faltava: o Campeonato Mundial de atletismo. Neste domingo, Bolt estabeleceu o novo limite com a marca de 9s58, baixando em 0s11 a marca anterior que havia sido estabelecida há exatamente um ano pelo próprio jamaicano na final olímpica.

 
O velocista da América Central, de quebra, ainda ganhou mais uma batalha com o norte-americano Tyson Gay, que fora o último campeão mundial em Osaka-2007. O agora ex-campeão teve de se contentar com a medalha de prata com 9s71. O pódio foi completado pelo jamaicano Asafa Powell.

Na semifinal, Bolt já havia dado sinais que poderia derrubar a marca. Com sobras, ele diminuiu a velocidade nos últimos 20 m e, mesmo assim, fez 9s89, a 0s20 do antigo recorde.

Pouco mais de duas horas depois, o jamaicano conseguiu o que todos queriam: vitória com novo recorde mundial. Ele é apenas o segundo a alcançar tal feito em um Mundial. O único que havia conseguido esta dobradinha nos 100 m rasos fora o norte-americano Carl Lewis, que fez 9s86 em Tóquio-1991. Quatro anos antes, o canadense Ben Johnson também bateu o recorde mundial, mas a marca foi anulada com o caso de doping do atleta.

Nas entrevistas seguintes à façanha, Bolt agradeceu ao público presente no estádio de Berlim pela empolgação. “É a melhor plateia do mundo. Vocês são os melhores, especialmente os meus torcedores da Jamaica”, celebrou o velocista. Sobre a possibilidade de bater novas marcas ao longo do campeonato, ele desconversou: “O Mundial continua”.

Agora, Bolt tenta igualar outro feito de Carl Lewis: vencer os 100 m, 200 m e o revezamento 4 x 100 m rasos na mesma edição do Mundial. Além do ícone norte-americano, o outro atleta que obteve esta tripla conquista em um evento deste porte foi justamente Tyson Gay, derrotado pelo jamaicano neste domingo.

As eliminatórias dos 200 m rasos começam nesta terça-feira, às 5h05 (horário de Brasília), e a prova pode ter um novo encontro entre Gay e Bolt. O revezamento 4 x 100 m rasos só inicia as eliminatórias na sexta-feira.

A vitória ainda estabeleceu outro marco para Bolt e o atletismo jamaicano. Esta foi a primeira medalha de ouro do país em uma prova masculina de velocidade no Mundial. Até então, o único triunfo de um jamaicano fora em Helsinque-1983 com Bert Cameron, nos 400 m rasos, que não é considerada uma prova de velocidade pelos especialistas.

A EVOLUÇÃO DO RECORDE
06/07/1912 Donald Lippincott (EUA) 10s6
20/06/1968  Jim Hines (EUA) 9s9
25/08/1991 Carl Lewis (EUA) 9s86
16/06/1999  Maurice Greene (EUA)  9s79
14/06/2005 Asafa Powell (JAM)  9s77
31/05/2008 Usain Bolt (JAM)  9s72
16/08/2008 Usain Bolt (JAM) 9s69
16/08/2009 Usain Bolt (JAM)  9s58

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>