9:40Osmar Dias x Beto Richa

O encontro do senador Osmar Dias (PDT) com o prefeito Beto Richa (PSDB), os dois candidatos mais fortes para a eleição ao governo do Estado no ano que vem foi, no entender do primeiro, igual a todos os outros anteriores. Isso porque Richa continua batendo na tecla de esperar até o ano que vem para uma definição. Dias afirma que não pode esperar, mesmo porque o seu calendário não coincide com o do prefeito. Traduzindo: não pode esperar até abril, quando Beto terá de renunciar ou não ao cargo de prefeito. O senador diz que sua conversa é sempre direta. É assim que fala com o PT. Com o PSDB, não, porque a conversa é em banho-maria. Osmar Dias conta que está elaborando seu plano de governo e Gleisi Hoffmann já lhe disse que o PT quer ver as diretrizes o quanto antes. Ou seja, o namoro antigo, que envolve diretamente o presidente Lula e o ministro Paulo Bernardo, provavelmente vai dar em casamento. Do lado de Richa isso é mais que conhecido, apesar de ainda se falar numa pretensa “tentativa de entendimento”. Isso porque ali se fala do problema de o senador do PDT ter o dilema de abraçar o PT, por uma questão, vamos dizer, ideológica. Osmar Dias já mandou recado há tempos para quem está ao seu lado e pensa que ele tem esse dilema. “Vai ter de mudar os conceitos”, disse, depois de explicar a transformação que aconteceu sobre os conceitos que o andar de cima tinha a respeito do presidente Lula antes de ele ser eleito presidente pela primeira vez. Resumo de tudo: Osmar e Beto estão se preparando, cada um num canto do ringue, para a boa briga para suceder Roberto Requião.

3 ideias sobre “Osmar Dias x Beto Richa

  1. marlus

    que dilema hein senador. achou que, depois de 2006, seria o próximo governador. não esperava o fenônemo beto richa no caminho. agora, o que fazer? sai para o governo, perde para beto. no senado, uma vaga é de requião. a disputa pela outra vaga é grande, com fruet e gleisi. que sinuca heim senador, como as coisas mudam em pouco tempo. o ex-futuro governador agora está na iminência de ser futuro ex-senador e ter que ficar cuidando da fazenda no formoso do araguaia.

  2. Tarquinio

    Em 2006 o Osmar não tinha esta “conversa sempre direta” com seus apoiadores, enrolou até a undécima hora e deu no que deu.

    Agora o timing mudou em 180 graus. Só que nem sempre dá pra combinar com o adversário.

  3. analista

    Cada analista com sua análise. A minha particularmente é a de que ou o beto corre da luta, ficando na prefeitura, com a desculpa que o compromisso é com os curitibanos, ou se for para o embate ficará com uma ótima segunda colocação, entre os mais votados. Perderá para o Osmar não apenas por uma diferença de 10 mil votos, como foi a derrota do Osmar frente ao atual governador. Será uma derrota para colocar o ego do rapaz no devido lugar, que por seus hábitos bem similares aos do collor, tem uma hipertrofia anfetaminada do ego em dias da retrocoriza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>