11:38A prefeitura, o judiciário e a oposição na longa guerra sobre o lixo

A tropa de vereadores da oposição ao prefeito Beto Richa (PSDB) vai estrilar de novo hoje. A revelação do jornalista Celson Nascimento, em sua (dele) coluna no jornal Gazeta do Povo, de que a prefeitura informou ao desembargador Marcos Moro que há urgência na licitação do sistema de processamento do lixo – SIPAR, apenas confirmou, segundo a oposição, o que eles falam há muito tempo: a prefeitura postergou além do limite suportável a definição sobre a nova planta de processamento. Segundo o petista Pedro Paulo, vice-líder da bancada, durante toda a campanha o tema “foi colocado debaixo do tapete”. ” A prefeitura deixou de fazer a licitação em tempo hábil e agora, no desespero, pede pressa ao poder judiciário. É preciso ficar claro que a responsabilidade é da prefeitura. Inclusive se alguma situação de calamidade acontecer.” alerta.

2 ideias sobre “A prefeitura, o judiciário e a oposição na longa guerra sobre o lixo

  1. jango

    Está evidente que o objetivo não foi cumprir a lei de resíduos estadual, de que nunca se falou e cujos prazos estão todos vencidos. Quis se impor um interesse (que vale milhões !) e aí outros interesses se sentiram prejudicados e daí o imbroglio criado. Na ponta disso tudo o povo que não tem o serviço de lixo que merece. Não se encontrará nenhum responsável pelo imbroglio. É a corrida do lixo que vale milhões … O povo que se lixe.

  2. miltinho

    O vereador escondeu o principal: a prefeitura enrolou para beneficiar um certo concorrente. Agora, o juiz manda continuar e ganha quem a prefeitura quer que ganhe. E dá-lhe caixinha de campanha para o Beto Collor fazer demagogia em 2010. O Pedro Paulo não anda servindo pra nada, que vá tirar foto abraçado com o Beto Richa, como fez no domingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>