19:05TRE indefere pedido do PV para perda de mandato do Professor Galdino

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) indeferiu hoje à tarde o pedido formulado pelo Partido Verde para perda de mandato do vereador Professor Galdino, que agora tem cinco dias para formalizar defesa.

12 ideias sobre “TRE indefere pedido do PV para perda de mandato do Professor Galdino

  1. SYLVIO SEBASTIANI

    Esse Partido Verde do Paraná, vai ficar “Amarelo” de vergonha. Agora o que eles vão falar para o Requião. Vão sim, levar uma bronca daquelas!

  2. Andre Yamasaki

    O TRE e o juíz que indeferiu esta armação prá cima do Professor, estão de parabéns, mostraram lucidez no tocante JUSTIÇA.
    ESPERAMOS QUE CONTINUEM ASSIM. Os maus intencionados tentaram roubar o mandato do Vereador que todo mundo viu e acompanhou seu sacrifício prá se eleger. Daí montaram uma armadilha e acabaram caindo na mesma.
    Obrigado Professor Galdino por ter exonerado os FANTASMAS do PV.

  3. André

    O juis do TRE acertou defendendo o CORRETO.
    Esperamos que continue assim, não poderia mesmo ser de outra forma.
    Obrigado Professor Galdino por defenestrar os FANTASMAS do PV.

  4. jeremias bueno

    Os partidos de mentira devem ser combatidos pelos cidadãos de bem. São tamboretes.

    Devem sobreviver nessa orgia partidária apenas os partidos que possuam ideologia consolidada e explicitada, como por exemplo (mas não só) o DEM, o PSDB, o PT e o PSOL.

    Reconheçamos ainda que não há tantas ideologias disponíveis nas prateleiras da política.

    Sugiro ao Partido Verde que tente uma fusão com a Império Alviverde ou com os Cornetas do Fosso, e passe a se dedicar ao rude esporte bretão.

    É mais digno do que chantagear um vereador de origem popular que ainda é uma promessa, mas que poderá se tornar útil ao povo curitibano se conseguir se manter imune aos assédios oficiais.

  5. Olhar de lince

    Partido Verde? Por quê? Só recebe em dólares?
    O Melo Viana está descendo a ladeira mais rápido do que se imagina, não? De verde, nem a intenção…
    Galdino teve votação maciça. Portanto, tem o apoio do seu eleitorado. E o Melo tem o quê?
    Dessa vêz, melô!!!

  6. Fernando

    Só pode ter havido indeferimento, ainda antes da apresentação da defesa, caso o Partido Verde tenha formulado pedido liminar. Porém não há previsão para pedido liminar em casos de cassação de mandatos. Portanto, se isso realmente aconteceu, demonstra que os advogados do Partido, nada ou muito pouco entendem de direito eleitoral.
    Bem, ao que tudo indica, o Professor Galdino não terá nenhuma dificuldade em permanecer com a sua cadeira, mesmo deixando o Partido Verde.
    Aliás, por ter acompanhado ao menos 50 julgamentos de infidelidade partidária no TRE, no ano passado, afirmo, com absoluta certeza, que se trata de caso que o Tribunal vislumbrará uma das causas justificadoras para a mudança de partido, qual seja, grave discriminação pessoal.

  7. saci

    O TRE indeferiu o pedido de antecipação de tutela e não é a decisão sobre o mérito da questão. Mas como disse o camarda Fernando aí em cima, se a capacidade dos advogados do PV é desse tamanho, provavelmente então não terá o madato cassado esse tal de Galdino.

  8. Pé Vermelho

    Esse Partido Verde paranaense, aliás, curitibano, porque não chegou ao interior, nada tem com o verdadeiro. É uma muleta do Governo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>