9:40No morro das placas brilhantes

morroplacasbrilhanteslineu

morroplacasbrilhanteslineu1

morroplacasbrilhanteslineu2

morroplacasbrilhanteslineu3

Fotos e texto de Lineu Filho

O morro com as placas brilhantes no cume é o “Ciririca”. Ele tem 1700 metros de altitude e fica na Serra do Ibitiraquire. As placas são da Copel e eram usadas no controle da usina Parigot de Souza. Hoje não servem para mais nada e estuda-se a retirada desse “lixo” do cume da montanha. Ao fundo, à direita, aparecem respectivamente o Morro 7, que é o guardião da Serra da Graciosa, e o maciço do Marumbi. A foto foi tirada a partir do Morro Caratuva, que também tem alguns “lixos no cume”, mas esses ainda funcionam. As encostas inferiores do Caratuva foram palco de um gravíssimo incêndio em 2007. O nome da montanha faz referência ao tipo de vegetação que predomina no seu cume. A torcida é para que este cartão postal que esteve intacto por centenas de milhares de anos resista à passagem do próximo inverno.

5 ideias sobre “No morro das placas brilhantes

  1. Luciano

    Muito bom quando os fotógrafos descrevem suas imagens e as razões para que tenham sido feitas. Esse papo de mil palavras é para intelectualóide. Obrigado pela informação, e pelas imagens Lineu.

  2. Lineu

    Obrigado Luciano. Realmente não é qualquer foto que” fala por sí”. Eu acho que nosso trabalho é 50 % transpiração 40 % sorte e 10 % talento, quando os 40 % de sorte permitem que tudo se junte, aí sim temos aquela foto sem legenda.

    JERE,

    e como incomodam…. só gente sem sensibilidade é que não sabe disso.

  3. Everson Novka

    Lembrando que a retirada desse “lixo” poderá causar um grande impacto ambiental, as placas são gigantescas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>