11:29Luma na lista

A leitura da pequena lista de funcionários da Assembleia Legislativa ainda rende. Um amigo do blog encontrou entre os funcionários um certo João Batista de Arruda Junior. A menos que seja um homônimo, vem a ser um dos advogados presos há duas semanas como integrante daquela quadrilha de Colombo que tinha até delegada e extorquia traficantes. Ah, sim, ele achou também uma Luma de Oliveira também, mas esta deve ser mesmo homônima.

8 ideias sobre “Luma na lista

  1. dúvida

    Aquele Luiz Fábio Campana, que aparece na lista é o próprio bloqueiro (www.fabiocampana.com.br)?
    que interessante mesmo essa lista

  2. Francisco Carnelutti

    Luiz Fábio é o blogueiro. Não deve saber nem como se entra na Assembléia. Há, como ele, centenas de fantasmas.

  3. Craveiro

    Quem diria, né? Tá cheio de paladinos da moralidade… Até a Stela Winnikes figura entre os “trabalhadores”. E o povo, tadinho, ainda acredita neles.

  4. jeremias bueno

    Pelo que sei, e reconheço que sei muito pouco, a Assembleia Legislativa e a Prefeitura de Curitiba são os maiores empregadores de jornalistas em todo o Paraná.

    Não há RPC ou RIC que consigam competir.

  5. dúvida

    é, mas pelo que sei, tem muito jornalista que não saiu na lista e dá expediente tooooodo dia na casa. que será que aconteceu?
    O petista Tadeu Veneri, por exemplo, tem assessora jornalista. Não é a casa que paga?

  6. Edmond Dantes

    O Tribunal de Contas é órgão do Poder Legislativo, seus servidores, aí incluídos os Conselheiros e Auditores, só existem para assessorar e fornecer pareceres aos Deputados. Logo, seu quadro de pessoal (concursados e comissionados) deve ser incluído nesta lista e o número do efetivo deve integrar a soma e divisão para se chegar à média de funcionário por Deputado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>