14:08Gleisi não vai a Roma

A assessoria de Gleisi Hoffman esclarece:

A viagem à Itália não passa por Roma, nem haverá visita ao Papa. A Gleisi e o Vanhoni vão visitar Módena, Pistoia e Florença para conhecer seus sistemas de segurança e educação, em especial a educação infantil. Trata-se de uma visita técnica para identificar modelos que possam ser aplicados em Curitiba para fazer parte do plano de governo que será apresentado à sociedade. A viagem é de seis dias.

Uma ideia sobre “Gleisi não vai a Roma

  1. Carlos

    Pergunta:
    Semana passada, nos corredores e elevadores da Itaipu Binacional, uma funcionária informava a todos os servidores que o “encontro” com a “Dra. Gleisi” tinha sido cancelado.
    Poderia a assessoria informar do que seria este encontro?
    A impressão que ficou é a de que o “convite” para este “encontro” vinha de cima para baixo…até porque os funcionários eram, digamos assim, dos funcionários mais humildes da empresa.

  2. Alfeu Garcia

    Digam à sra Gleise que aqui em Curitiba tem gente especialista em educação infantil e com experiência tamanha que não precisa ir à Itália para buscar modelos. E o Vanhoni conhece!

  3. rodrigo

    e quem pagará. que a assessoria dela ou dele tbem esclareçam e comprovem … o duro é ver o maridão defendendo a cpmf enquanto ela…

  4. Carolina

    É uma petulancia essa tal de Gleise ser candidata a prefeita da capital. Não tem cacife, não tem experiencia, só tem o marido. Curitiba não pode ser local de experiencia para que pessoas despreparadas aprendam a governar. E nao adianta ir para Italia, temos exemplos muito melhores por aqui mesmo.

  5. Anderson

    a barbie Gleisi Hofmann poderia visitar as creches de Campo Grande (MS), onde ela e o marido deixaram muitos rastros… aliás, vale a pena conferir a situação da educação infantil do Mato Grosso do Sul e comparar com Curitiba!

  6. Rosa

    PÔXA , ELES VÃO BUSCAR REFERÊNCIAS EM SOCIEDADES ESTABELECIDAS HÁ MILÊNIOS. ONDE NÃO HA FAVELA, DESEMPREGO.
    POBRE PAULO FREIRE, POBRE DARCI PENTEADO, POBRE DE NOS QUE PAGAMOS A CONTA.

  7. Jose Arigó

    Quanta Ignorancia:

    Enquanto o Playboy Beto Richa nascido em berço de ouro vivia nas altas rodas de londrina e curitiba, Gleisi era ativa partticipante dos Movimentos Sociais. No entanto, a critica dos comentarios acima só parecem valer para um lado e de que aqui em Curitiba, tudo parece ser o melhor do mundo. Trinta anos de gestão (LERNER, TANIGUCHI, GRECA, BETO BOONER RICHA) levaram o Curitibano a ter um pensamento único, reacionário e antidemocratico. Uma pena, pois estar aberto ao novo faz parte de sociedades mais evoluidas, o que parece não ser o nosso caso.

  8. Ana Karenina

    Modelo de eficiência em educação gratuita neste país foi dado por Leonel Brizola e Darcy Ribeiro, no Rio de Janeiro, com os famosos CIEPs, depois “detonados” pelo sucessor Moreira Franco. Mas os técnicos que participaram da implantação estão lá no Rio, à disposição de quem quiser consultá-los.

  9. Pé Vermelho

    Zé Arigó: Quando Zé Richa e dona Arlete tinham berço de ouro prá agasalhar o Beto? Não tô puxando o saco não, rapaz. Você já leu a biografia do finado? Um cara quebrado e simples, sô. E também avesso à badalações. Era mais chegado numa caxetinha (ou cachetinha?, sei lá) de cincão, deizão.

  10. jango

    Se forem um pouco inteligentes verão que Modena, Pistoia e Florença não tem nada a ver com Curitiba. Mas de quem se propõe a esta terefa com este objetivo não se pode esperar nada a não ser discurso eleitoreiro. Quem viver verá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *