15:40A explicação

A assessoria do deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB) informa que a questão do “fechamento das fronteiras” de Curitiba foi mal interpretada. A questão levantada, e discutida com todos os participantes do debate dos pré-candidatos do PMDB, segundo a assessoria, foi a possibilidade de Curitiba ter, em pouco tempo, mais cinco milhões de habitantes, e a necessidade de medidas concretas para não tornar a cidade inviável, levando-se em consideração também os municípios da região metropolitana.

Uma ideia sobre “A explicação

  1. bond

    porra, daqui a pouco o rocha loures ou seu “açeçor” vão dizer que foi o povo que levantou a questão. é bem a cara do “pmdb velho de guerra”.

  2. Asdrubal

    Fala demais e depois se arrepende!!! Minha mãe sempre disse que “quem fala demais, dá bom dia a cavalo”. Nunca entendi isso, mas é aplicável nesse momento. Eu estava lá e o Rocha Loures disse que é preciso proteger Curitiba desse movimento de fora para dentro. Disse, ainda, que Curitiba tem que perguntar aos municípios da região metropolitana o que eles precisam para segurar o pessoal deles. Falou também que ão quer ver as regiões vazias de Curitiba se transformar numa Cingapura. Falou, sim! Foi gravado. É só pedir a fita. O PMDB deveria esclarecer essa questão.

  3. Eduardo

    Tudo isso começou na maldita vigem de navio que Bob Requi fez depois das eleições em 2002…no “barquinho” ele aproximou-se do tal “rocha loures” , trouxe pro gabinete e agora quem “embarca” nessa é o eleitorado de Curitiba…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *