6:49Saúde federal

O deputado federal Ratinho Junior (PSC) informa que quer diminuir os gastos do sistema público de saúde. Sua proposta é um programa anual para realização de exame preventivo para os funcionários públicos federais. “Ao evitar que os funcionários fiquem doentes diminuímos os gastos com tratamentos, remédios, internações, transporte, entre outras despesas, argumenta o deputado.” Uma vez adotado pela União, o objetivo, segundo o deputado, é que os estados e municípios também implantem o programa para os seus funcionários. Ok. Pode ser um começo. Mas, é o resto do povo? Fica assistindo da fila do INSS enquanto quem tem emprego garantido até o fim dos tempos é examinado?

Uma ideia sobre “Saúde federal

  1. Gabriel

    Incrível!!
    A única maneira de sensibilizar quem controla o governo e as empresas é provando que o custo é mais baixo.

    Outro dia ouvi uma matéria que dizia sobre a importância dum plano de saúde para que a empresa não perdesse com o afastamento dum funcionário que fica doente.

    Se ficar doente não implicasse em custos, não haveria motivo para preocupação…

  2. Jeremias, o bom

    Que tal o serelepe deputado apresentar um projeto de lei proibindo os funcionários públicos de adoecerem?
    Traria economia ao poder público e aplacaria o seu furor “legislante”…

    Uma dúvida: o deputado está no PSC? Tão jovem e já mudou tantas vezes de partido?
    Como os nossos jovens apreciam copiar o que há de pior nos nossos velhos, não é mesmo?

  3. Carlos

    É verdade Jeremias, antes era do partido do Voto Limpo, mas agora não sei em qual partido ele está…
    Além disso, o jovem deputado espalhou outdoors pela cidade sobre o metrô de Curitiba, mas não tem uma letra explicando porque aprovou a prorrogação da CPMF…
    Estranho, não?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>