16:27A morte de Valente

Morreu nesta quarta-feira (26), em seu novo lar, Valente, o cachorro de 7 meses que foi resgatado no final do mês passado em Piraquara pela Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba (SPAC). Ele estava em tratamento intensivo e foi adotado na semana passada. Apesar de todo tratamento médico e carinho que vinha recebendo, Valente não resistiu a uma virose. “Ele estava muito debilitado”, revelou a vice-presidente da SPAC, Soraya Simon. “Se ele não tivesse sido vítima de tamanha crueldade e sofrido tantas agressões, não teria morrido”. Valente foi encontrado na Vila Juliana.  Ele estava amarrado e esticado pelas pernas da frente e de trás em duas estacas. Tinha um osso de costela enfiado na garganta, o ânus dilatado e sangrando, membros posteriores atrofiados, desnutrido, barriga machucada, incontinência urinária, infecção na pele e intestino, diarréia com sangue e extremamente debilitado. Após exames, foram constatadas também duas fraturas, uma na pelve direita e outra no final da coluna e uma luxação na pelve esquerda.

Uma ideia sobre “A morte de Valente

  1. Matusalém

    Que me perdoem os que rezam pelo catecismo de Madre Tereza de Calcutá, mas se amanhã ou depois ouvir um relato de igual teor acerca do animal que fez isto ao Valente, não perderei um minuto de sono.

  2. Lisiane Mehl Rocha

    Concordo. Tem que queimar no inferno mesmo.
    Eu, que trabalho no centro da cidade tenho visto cada vez mais “maus tratos” aos animais.
    Inclusive tem um cachorro rotweiller abandonado numa casa na Rua Jaime Reis, 200.
    A empresa que fazia a segurança, dessas que usam cães para guardar residências e prédios, “largou” o cão lá, sem comida e água.
    Esse cão é mais um “Valente”, está sobrevivendo porque o povo que passa dá alguma coisa para ele comer de vez em quando.
    A pessoa irresponsável que fez isso devia ser severamente punida.
    O que dá para fazer num caso desses ? Alguém sabe ? Denuncia onde ? A Sociedade Protetora dos Animais pode tirar o cão de lá ?
    Agradeço a você Zé Beto se puder fazer com que estas minhas “indagações” andem e encontrem resposta.
    Quem sabe este “Valente” não sobrevive, não é mesmo ?
    Obrigada e um abraço,
    Lisiane.

  3. Maria Fernanda Domenici

    Deviam fazer exatamente o mesmo ao ” animal” que fez isso ao coitado desse cachorro! Zé Beto, parabéns por colocar sempre esse tipo de denúncia neste blog. Acho que já é um bom começo para as coisas começarem a mudar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>