15:27Amoras na esquina

História curitibana flagrada pelo jornalista Guilherme Larsen: “Nove e meia da manhã de hoje, antes da pancada de chuva. Rua Princesa Isabel, quase esquina com a Fernando Moreira. Uma senhora estende a grande toalha branca embaixo da amoreira na calçada e sacode os galhos. Os frutos caem e ela tranquilamente junta as quatro pontas da toalha e leva para dentro de casa a colheita matinal. Se virou um vidro de compota ou decorou uma torta de requeijão ninguém sabe.”

Uma ideia sobre “Amoras na esquina

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>