7:13Elefante

A história dos grampos telefônicos autorizados pela Justiça e a possível ação que seria feita contra os empresários das concessionárias que exploram o pedágio no Paraná, detonada ontem pelo colunista Celso Nascimento, do jornal Gazeta do Povo, foi assim analisada por alguém próximo ao secretário de Segurança e ao delegado titular do Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos (Nurce): “Estão vendo elefante que já passou há muito tempo e não fez estrago”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>